Tempo
|
A+ / A-

Sporting nega dívida à Sampdória

25 jan, 2022 - 22:58 • Redação

Clube de Alvalade garante que não há hipótese de o clube ser castigado pela UEFA e ficar fora das provas europeias.

A+ / A-

O Sporting garante que já pagou a dívida à Sampdória e “não há qualquer risco de potencial exclusão das competições europeias”.

Em comunicado, os leões contam todo o processo: “A UEFA tomou a decisão de aplicar à Sporting SAD uma multa no montante de 250.000 euros e de indicar que a Sporting SAD teria de pagar a quantia de 1.527.000 euros devida à UC Sampdoria, sob pena de exclusão da competição europeia de clubes para que se qualificasse nas próximas três épocas. Esta decisão foi objeto de recurso interno para o Appeals Body do mesmo organismo, que optou por manter as sanções aplicadas em primeira instância”.

Neste seguimento, a equipa de Alvalade reforça: “Importa sublinhar que não só o montante em causa se encontra pago, como aliás a totalidade da dívida perante o referido clube italiano encontra-se integralmente paga desde o dia 11 de Janeiro”.

“Por essa razão, a sanção de potencial exclusão das competições europeias não encontra cabimento e não poderá ser aplicada”, garante.

“Em todo o caso, informamos que da decisão hoje adotada cabe recurso para o CAS, possibilidade que a Sporting SAD irá analisar logo que lhe sejam fornecidos os fundamentos da decisão, tendo em conta que, não obstante o pagamento integralmente realizado afastar definitivamente o risco de exclusão das competições europeias, continua a discordar profundamente das sanções aplicadas e do processo que conduziu a esta decisão”, termina

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+