Tempo
|
A+ / A-

FC Porto

Polémica da renovação de Otávio "não entra no balneário", garante Conceição

14 out, 2021 - 12:15 • Redação

Relatório e Contas do FC Porto aponta custo de quase 17 milhões de euros para a renovação do médio. Agente desmentiu prémio de assinatura avultado e Sérgio Conceição blinda o plantel.

A+ / A-

A polémica em torno dos valores da renovação de Otávio não entram no baneário e não afetam o Porto. A confirmação é dada pelo treinador Sérgio Conceição.

"Não entra no balneário. Pura e simplesmente não entra", disse, de forma curta e simples em conferência de imprensa.

A renovação de Otávio custou à FC Porto SAD quase 17 milhões de euros, de acordo com o Relatório e Contas relativo à época 2020/21, enviado esta quarta-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na tabela de aquisições, o FC Porto detalha que a extensão do vínculo do médio internacional português, de 26 anos (de cujo passe os dragões detêm 67,5%), significou um encargo de 16.945.662 euros.

O preço encontra-se tabelado na categoria "encargos adicionais", em que se incluem "encargos com serviços de intermediação, serviços legais, prémios de assinatura de contratos, entre outros custos relacionados com a aquisição dos direitos económicos", conforme pode ler-se.

Mais tarde, o agente do jogador garantiu que Otávio "não recebeu nem um euro de prémio de assinatura pela renovação".

"Ele renovou porque gosta do clube, por amor ao clube, por ser agradecido à oportunidade que o clube lhe deu e sempre o tratou. E fê-lo quando tinha outras propostas, nomeadamente uma do AC Milan, para receber um prémio muito alto logo à cabeça", refere o empresário do médio.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+