Tempo
|
A+ / A-

Pinto da Costa segura Nakajima. "Não temos pena de morte no FC Porto"

31 jul, 2020 - 10:41 • Redação

"Entrou em pânico, incompreensivelmente, mas as pessoas não entram em pânico porque querem", explica o presidente do FC Porto, sobre a recusa de Nakajima em treinar com a equipa.

A+ / A-

O presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, garante que o clube continua a contar com Shoya Nakajima para a próxima temporada, apesar de o internacional japonês ter entrado em "paranoia".

Nakajima recusou-se a treinar com a equipa após a paragem da pandemia da Covid-19, e quando voltou aos trabalhos manteve-se à parte. Em entrevista ao "Jornal de Notícias" e a "O Jogo", Pinto da Costa explica que tudo não passou de "um problema de saúde, psicológico", mas garante que conta com o japonês para a próxima época.

"Entrou em pânico, incompreensivelmente, mas as pessoas não entram em pânico porque querem. Não se sentia capaz, nem foi capaz de ultrapassar os problemas. Pelo facto de ser estrangeiro e de não perceber nada do que se passava à volta entrou numa autêntica paranoia. Mas não temos pena de morte no FC Porto e claro que ele conta. No princípio da próxima época será reintegrado", assegura o líder portista.

Explicação que surge em linha com a do diretor geral para o futebol, Luís Gonçalves, em entrevista ao Porto Canal. Pinto da Costa salienta, ainda, que Nakajima só não treina com o restante grupo "porque ainda não se sente confortável para o fazer". Também por isso, revela o líder portista, o extremo faltou à cerimónia de entrega da taça e medalhas de campeão.

"O FC Porto nesse dia convidou o Nakajima a estar presente. O convite foi feito através do empresário que está com ele e fala japonês, mas ele não se sentiu à vontade, não quis, e preferiu receber a medalha mais tarde e com todo o direito porque participou em vários jogos e foi importante em algumas decisões", conta Pinto da Costa.

A terminar, Pinto da Costa insiste que continua a contar com Nakajima para a época 2020/21: "Nesta fase da época não contámos com ele, mas é um jogador em quem acreditamos e para o ano fará parte do plantel."

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+