Tempo
|
A+ / A-

Futsal. Seleção feminina já prepara Europeu

20 jun, 2022 - 22:59 • Lusa

Prova, em Gondomar, vai decorrer entre 1 e 3 de julho.

A+ / A-

A seleção portuguesa feminina de futsal, atual vice-campeã, concentrou-se esta segunda-feira para começar a preparar o Euro 2022, que se vai disputar em Gondomar, ainda sem as quatro jogadoras do Benfica.

Em Oliveira de Azeméis, o selecionador Luís Conceição ainda só contou com 10 atletas, depois de Ana Catarina, Inês Fernandes, Maria Pereira e Sara Ferreira terem tido autorização para se apresentar mais tarde.

As quatro jogadoras sagraram-se no domingo campeãs portuguesas, depois de o Benfica ter derrotado o GCR Nun'Álvares, por 1-0, no quarto jogo da final do campeonato.

A seleção feminina realiza na terça-feira o primeiro treino, às 11 horas, que será antecedido por declarações de uma jogadora.

A final a quatro do torneio estava originalmente aprazada para decorrer entre 25 e 27 de março, no Pavilhão Multiusos de Gondomar, tendo o selecionador anunciado uma pré-convocatória de 15 jogadoras um mês antes, mas acabou adiada para o período entre 1 e 3 de julho.

A exclusão das seleções russas das competições sob tutela da UEFA e a indefinição em torno da participação da Ucrânia, afetada pela ofensiva militar da Rússia, motivou o protelamento por quase três meses do Europeu, que mantém três dos quatro finalistas.

A Hungria, repescada pela UEFA para substituir a Rússia, vai ser adversária de Portugal nas meias-finais, agendadas para 1 de julho, às 21h30, quatro horas e meia depois de a Espanha, detentora do título, medir forças com a Ucrânia no primeiro duelo da fase final.

O jogo de atribuição do terceiro e quarto lugares e a final decorrem dois dias depois, às 14h30 e 18h00, respetivamente, no ocaso da segunda edição da prova, estreada nestes moldes em 2019, também em Gondomar, com uma derrota lusa frente à Espanha (0-4).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+