Tempo
|
A+ / A-

Jogos Olímpicos

Liliana Cá garante diploma com 5.º lugar no lançamento do disco

02 ago, 2021 - 14:08 • Redação

Final atípica interrompida e, para várias atletas, estragada pela chuva. Melhor ensaio da portuguesa foi de 63,93 metros.

A+ / A-

Veja também:


A portuguesa Liliana Cá terminou a final de lançamento do disco dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, esta segunda-feira, no quinto lugar, a menos de dois metros das medalhas. É o melhor resultado de sempre de Portugal na disciplina e garante o sexto diploma olímpico no Japão.

Numa final atípica, que teve de ser interrompida, já demasiado tarde, devido à chuva forte em Tóquio, a lançadora ficou a dois metros e meio do recorde nacional, no seu melhor ensaio, em que registou 63,93 metros.

Liliana Cá chegou mesmo a escorregar na última tentativa antes da interrupção, devido à água que inundava o círculo de lançamentos. No primeiro ensaio logo após a suspensão, o disco fugiu-lhe da mão.

Condições que estragaram a prova a praticamente todas as atletas: houve vários nulos e muitos lançamentos diretos à gaiola. A medalha de ouro foi para a norte-americana Valarie Allman, a prata para a alemã Kristin Pudenz e o bronze para a cubana Yaime Pérez. Imediatamente à frente de Liliana Cá, com 65,01 metros, ficou a croata Sandra Perkovic.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+