Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

Estrela Amadora confirma contratação de guarda-redes do FC Porto

10 jul, 2024 - 21:44 • Lusa

Francisco Meixedo tem pré-acordo com a equipa da Reboleira.

A+ / A-

O presidente do Estrela da Amadora, Paulo Lopo, confirma que a contratação do guarda-redes do FC Porto Francisco Meixedo está por horas e que saída do avançado Regis Ndo é bastante provável.

Paulo Lopo, que falava à imprensa à margem da cerimónia de posse dos novos órgãos sociais para o quadriénio 2024-2028, período durante o qual vai acumular a liderança da SAD à presidência do clube, voltou a ser taxativo no que toca ao mercado.

"Temos um pré-acordo estabelecido com Francisco Meixedo. Ainda deverá chegar esta semana. A nossa equipa de futebol profissional está bem estruturada, está bem reforçada. Temos propostas para o Regis. A nível financeiro são bastante interessantes, por isso é provável que saia", admitiu.

Em relação a saídas, o Estrela da Amadora já viu sair os guarda-redes António Filipe e Dida, os defesas Hevertton Santos, Johnstone Omurwa, Pedro Mendes, Lucão, Shinga e João Reis, todos em final de contrato, além de Kialonda Gaspar (Lecce, de Itália), Luan Farias (Benfica B), Ronaldo Tavares (emprestado ao FC Seoul, da Coreia do Sul) e Mansur.

Os tricolores já oficializaram a contratação do guarda-redes Marko Gudzulic (ex-FK Vozdovac, Sérvia), os defesas Danilo Veiga (ex-Rijeka, Croácia), Issiar Dramé (ex-Bastia, França), Ferro (ex-Hajduk Split, Croácia), os médios Paulo Moreira (ex-Varzim) e Daniel Carvalho (ex-Vitória de Setúbal), e os avançados Tiago Mamede (ex-Sporting) e André Luiz (ex-Flamengo, Brasil).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+