Siga-nos no Whatsapp
A+ / A-

José Fonte quer fazer história no Braga. "O sonho é ser campeão"

18 jul, 2023 - 19:26 • Redação

O defesa-central, de 39 anos, regressa a Portugal ao fim de 16 épocas e "não [tem] medo" de colocar a meta no topo.

A+ / A-

Os sonhos de José Fonte Sporting de Braga não têm teto: quer ajudar o clube a sagrar-se campeão nacional pela primeira vez na história.

Em declarações aos canais oficiais do Braga, o central internacional português, de 39 anos, mostra-se ciente da dificuldade de colocar um ponto final na hegemonia de 22 anos de FC Porto, Benfica e Sporting, contudo, mostra a ambição de um jogador habituado a vencer.

“O sonho é ser campeão. Todos sabemos a dificuldade mas eu não tenho medo de dizer. Ser campeão era algo incrível. Estou preparado e determinado, com muita força de trabalhar para isso e plantar a semente na nossa estrutura, para que todos juntos possamos estar mais perto disso”, salienta o defesa, campeão da Europa por Portugal em 2016.

O regresso a Portugal


O ingresso no Braga significa o regresso de José Fonte ao futebol português, 16 anos depois de ter partido para Inglaterra.

“Sempre tive a mente aberta a tudo. Sabia que era difícil voltar a Portugal, mas nunca fechei a porta. Este ano fez sentido regressar, do ponto de vista familiar permite também que a minha família regresse a Portugal e estamos muito entusiasmados por isso”, assinala.

Fonte destaca a "grandeza" do Braga e a história que o irmão, Rui Fonte, agora no Paços de Ferreira, construiu na Pedreira: "É um passo espetacular na minha carreira representar um clube desta dimensão."

“Sou mais um para ajudar, para motivar a equipa a alcançar os seus objetivos e a ser mais um para atingirmos o sucesso que todos nós queremos”, completa o central, que assinou contrato de uma época.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+