Tempo
|
A+ / A-

I Liga

Álvaro Pacheco despedido do Vizela

30 nov, 2022 - 16:52 • Redação

Adeus ao fim de três épocas e meia. Treinador levou minhotos do Campeonato de Portugal à I Liga. Tulipa pode ser promovido dos sub-23 à equipa principal, ao que a Renascença apurou.

A+ / A-

Álvaro Pacheco deixou o Vizela, soube a Renascença e confirmaram, mais tarde, os minhotos. Termina uma ligação de três anos e meio, em que o treinador levou o clube do Campeonato de Portugal à I Liga.

Em comunicado, o Vizela informa que as duas partes chegaram a acordo para o fim do contrato e que "a decisão tem por base, unicamente, a divergência de opiniões em relação ao projeto desportivo".

Ao que Bola Branca apurou, em cima da mesa, relativamente à sucessão a Pacheco, está a possibilidade de Tulipa, atual treinador dos sub-23, ser promovido, com caráter definitivo, a técnico da equipa principal.

Álvaro Pacheco, que em 2021 tinha renovado até ao final da presente época, sai sete meses mais cedo. Deixa o Vizela no 13.º lugar da I Liga, com 15 pontos, seis acima da linha de água. Na última jornada, triunfou em Paços de Ferreira e pôs fim a uma série de três jogos sem vencer.

O Vizela foi eliminado na quarta eliminatória da Taça de Portugal pelo Vitória de Guimarães, após prolongamento, e está igualado com FC Porto, Chaves e Mafra no grupo A da Taça da Liga, com dois pontos.

Três subidas seguidas e a melhor época de sempre


Álvaro Pacheco assumiu o comando técnico do Vizela na época 2019/20, altura em que o clube disputava o Campeonato de Portugal (então terceira divisão do futebol nacional), e conquistou duas subidas seguidas: à II Liga na primeira época e ao principal escalão na segunda.

Na terceira temporada ao comando dos vizelenses, Pacheco garantiu a manutenção na I Liga com um 14.º lugar, melhor classificação da história do clube, e ainda chegou aos quartos de final da Taça de Portugal.

No mesmo comunicado, no site oficial, o Vizela enaltece e elogia o trabalho de Álvaro Pacheco ao longo das últimos três temporadas e meia e agradece-lhe "por todo o profissionalismo e serviços prestados".

"O seu nome permanecerá, para sempre, ligado aos maiores feitos desportivos desta sociedade e o seu percurso nesta casa nunca será apagado", salienta a SAD do Vizela, que também deseja ao treinador "os maiores sucessos pessoais e profissionais para o futuro".

[notícia atualizada às 22h46 - oficialização do Vizela]

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+