Tempo
|
A+ / A-

Tondela tenta confirmar em Mafra presença inédita na final da Taça de Portugal

20 abr, 2022 - 09:18 • Lusa

Depois de uma vitória por 3-0 na Beira Alta, a equipa de Nuno Campos está muito perto do Jamor.

A+ / A-

O Tondela procura confirmar, esta quarta-feira, a primeira presença na final da Taça de Portugal de futebol na deslocação ao terreno do Mafra, da II Liga, num encontro em que vai entrar em campo com larga vantagem.

No duelo da primeira mão, na altura ainda comandado pelo espanhol Pako Ayestáran, entretanto despedido, o Tondela venceu o Mafra por 3-0, com golos de Tiago Dantas, aos 38 minutos, do espanhol Manu Hernando, aos 66, e do brasileiro Neto Borges, aos 75, resultado que deixa o emblema primodivisionário muito perto de uma presença inédita no Jamor.

Agora comandado por Nuno Campos, o Tondela vai tentar em Mafra confirmar um lugar na final da Taça de Portugal, numa altura em que está em zona de despromoção na I Liga (17.ª e penúltimo classificado) e em que luta para se manter no principal escalão.

Por seu lado, o Mafra, atual 10.º posicionado da II Liga, terá a dura tarefa de recuperar de três golos de desvantagem, estando logo obrigado a manter a sua baliza a 'zero', já que os tentos fora ainda contam a dobrar, regra que vai deixar de ser utilizada a partir da próxima época.

O encontro vai decorrer no Estádio Municipal de Mafra, a partir das 20h15, e vai ser arbitrado por Manuel Oliveira, da Associação de Futebol do Porto.

O vencedor deste duelo vai ser a 26.ª equipa a subir ao palco da final da Taça, frente a FC Porto ou Sporting, que se defrontam na quinta-feira, no Estádio do Dragão, onde o anfitrião defende uma vantagem de 2-1 conquistada na primeira mão.

Tondela ou Mafra vão jogar pela primeira vez uma final da Taça, tornando-se no quinto estreante do século XXI, depois de Desportivo das Aves, em 2018, Desportivo de Chaves, em 2010, Paços de Ferreira, em 2009, e União de Leiria, em 2003.

A 82.ª final da prova ‘rainha’, que está marcada para 22 de maio, às 17h15, voltará a ser disputada no Estádio Nacional, em Oeiras, depois de nos dois anos anteriores ter sido realizada em Coimbra.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+