Tempo
|
A+ / A-

Paços de Ferreira denuncia insultos racistas a Tanque

20 set, 2021 - 14:26 • Redação

Adepto foi retirado das bancadas do Estádio do Vizela e identificado pelas autoridades.

A+ / A-

O Paços de Ferreira denunciou e condenou insultos racistas contra o avançado Douglas Tanque por parte de um adepto do Vizela, no jogo de domingo.

"O FC Paços de Ferreira condena veemente o comportamento ocorrido ontem no Estádio do FC Vizela contra o nosso atleta Douglas Tanque, reforçando que este tipo de atitudes não pode ter lugar no desporto nem em qualquer outro contexto", pode ler-se na nota oficial.

O clube reconhece que "foi um ato perpetrado por uma única pessoa e que em nada representa o FC Vizela e os seus adeptos - tendo o clube sido irrepreensível na forma como fomos recebidos".

O adepto foi retirado do estádio e foi identificado pela polícia. O homem terá chamado de "macaco" ao avançado brasileiro, quando este ia ser lançado a jogo durante o intervalo.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+