Tempo
|
A+ / A-

I Liga

Famalicão oficializa contratação de Bruno Alves

01 jul, 2021 - 21:14 • Redação

O central internacional português, de 39 anos, regressa à I Liga com contrato válido para as próximas duas temporadas.

A+ / A-

O Famalicão confirmou, esta quinta-feira, a contratação de Bruno Alves.

O central internacional português, de 39 anos, campeão europeu em 2016, assinou contrato válido para as próximas duas temporadas.

Bruno Alves segue as pisadas do pai, Washington Alves, que representou o Famalicão em 1984/85. Em declarações reproduzidas no site oficial dos minhotos, o defesa assume que "é muito especial" seguir esse legado.

“Aceitei o convite porque senti que as pessoas do clube acreditam em mim e que me dão muita importância”, explica Bruno Alves.

O central garante que encara o regresso à Liga portuguesa com a missão de “ajudar o clube" e transmitir o que aprendeu ao longo da carreira.

Onze golos em 96 internacionalizações e muitos títulos


Bruno Alves tem um palmarés recheado: quatro Ligas portuguesas, três Taças de Portugal e três Supertaças, todas com o FC Porto, duas Ligas russas, uma Taça da Rússia e uma Supertaça da Rússia, com o Zenit, e uma Liga turca e uma Supertaça da Turquia, com o Fenerbahçe.

O defesa também representou Cagliari, de Itália, Rangers, da Escócia, e Parma, novamente em Itália, onde passou as duas últimas épocas.

Bruno Alves foi campeão europeu ao serviço de Portugal em 2016. É atualmente o oitavo jogador mais internacional de sempre, com 96 jogos, e o defesa que mais golos marcou pela seleção nacional, com 11.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+