Tempo
|
A+ / A-

Inglaterra

Liverpool ganha com remontada e assume liderança

09 dez, 2023 - 16:20 • Lusa

Arsenal ainda joga este sábado.

A+ / A-

O Liverpool agarrou a liderança da Liga inglesa de futebol, à espera do Arsenal, depois de vencer, com cambalhota no marcador, na visita ao Crystal Palace, por 2-1, em jogo da 16.ª jornada.

Os “reds” estiveram durante largo tempo atrás do marcador, mas a expulsão de Jordan Ayew, aos 75 minutos, com duplo cartão amarelo, desequilibrou o encontro para o lado da equipa de Jürgen Klopp.

Os londrinos tinham marcado aos 57 minutos, de grande penalidade, apontada por Jean-Philippe Mateta, a castigar uma entrada imprudente de Quansah, já depois de o árbitro ter revertido na primeira parte outro lance para penálti, também para os “Eagles”.

Com o Crystal Palace por cima e a controlar o jogo, também depois de estar a vencer, o Liverpool valeu-se da entrada em campo de Harvey Elliot, a mexer com o desempenho dos “reds” e com clara influência no marcador.

Elliot esteve no segundo cartão amarelo a Ayew, deixando o Crystal Palace reduzido a 10 jogadores aos 75 minutos, e logo no minuto seguinte o Liverpool empatou por Mohamed Salah, num lance em que a bola desviou num adversário e traiu o guarda-redes.

Salah pôde comemorar o seu 200.º golo ao serviço do Liverpool e ainda assistir Elliot para o 2-1, com o médio a arrancar a reviravolta com um grande remate de fora da área já aos 90+1 minutos.

A vitória deixa o Liverpool na liderança, com 37 pontos, mais um do que o Arsenal, que ainda tem hoje difícil compromisso a partir das 17h30, com a visita ao Aston Villa (terceiro), equipa que na última ronda venceu em casa o campeão Manchester City.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+