Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Qatar 2022

Ganeses a jogar no Algarve dizem-se confiantes ​para o encontro com Portugal

23 nov, 2022 - 19:38 • Rafael Duarte

A Renascença falou com dois jogadores ganeses que jogam no Algarve a propósito do Portugal - Gana. Ambos avisam a seleção nacional para a qualidade de alguns nomes da equipa africana e mostram-se confiantes para o encontro.

A+ / A-

Abdul Annan e Fredrick Agyemang representam clubes diferentes no Algarve, mas quando soar o apito para o Portugal - Gana vão vestir a mesma camisola.

Ambos conhecem bem o primeiro adversário da equipa das quinas no Mundial do Qatar e por isso deixam um aviso: "Estou muito confiante que o Gana vai ganhar. Temos novos jogadores que não estavam na equipa antes e juntaram-se como o Iñaki Williams, Tariq Lamptey e Salis Samed. São grandes aquisições para a equipa", diz Annan numa confiança que ganha força ao lado de Fredrick.

Os dois ganeses acreditam na vitória da selação do seu país e estão preparados para festejar no dia do jogo, mesmo que rodeados por portugueses. "Vou ver o jogo em casa com os meus amigos, porque os outros estão todos a falar muito de Portugal, mas vamos ver", conta-nos Fredrick. Já Annan vai ver em Moncarapacho e está preparado: "Vou ser o único a apoiar o Gana. Quando o Gana marcar vai ser um grande momento para mim".

Durante esta reportagem descobriram que no Gana eram vizinhos, mas os caminhos acabaram por se cruzar no Algarve.

Fredrick chegou a Portugal nosso país em 2016 e joga no Olhanense. A poucos quilómetros de distância está o compatriota Annan que vive em Portugal desde 2020 e agora representa o Moncarapachense.

Ainda tentam aprender a língua, mas já se sentem em casa e por isso admitem que o jogo com a nossa seleção vai ser especial. "Para mim, o Gana jogar com Uruguai e Coreia do Sul é diferente de jogar com Portugal. Estou ansioso por este jogo desde que saiu o sorteio", refere Annan. "Este jogo é especial para mim porque vivo em Portugal. Se Portugal está a jogar eu tenho que torcer por eles, mas agora é o meu país contra Portugal", admite Fredrick.

O Gana esteve perto de se tornar na equipa africana que chegou mais longe num Campeonato do Mundo quando em 2010 foi eliminado pelo Uruguai nos quartos de final.

Essa eliminação está bem presente na cabeça destes adeptos que querem ver o país do coração fazer história este ano.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+