Tempo
|
A+ / A-

Manchester City apresenta proposta por Ronaldo, mas negócio não será fácil

26 ago, 2021 - 09:19 • Redação

Clube inglês oferece contrato de duas temporadas, mas não quer pagar qualquer verba à Juventus pela transferência, que pede 20 milhões de euros.

A+ / A-

O Manchester City já terá apresentado uma proposta a Cristiano Ronaldo para rumar aos "citizens" este verão, mas será difícil chegar a acordo com a Juventus.

O capitão da seleção nacional tem mais um ano de contrato com a "Vecchia Signora", mas quer sair do clube italiano este verão. De acordo com o conceituado jornalista italiano Gianluca Di Marzio, o agente Jorge Mendes tentou encontrar solução para o avançado, mas apenas o City mostrou interesse.

De acordo com a publicação, os citizens oferecem um contrato de dois anos a CR7, a auferir cerca de 14 milhões de euros por ano, metade do seu vencimento na Juventus. O clube de Turim pretende 20 milhões de euros para permitir a transferência, depois de ter pago 100 milhões há três épocas, mas o City não tem intenções de pagar qualquer verba pela transferência.

Cristiano Ronaldo sofreu uma lesão no braço direito no treino da Juventus, na quarta-feira, que o forçou a abandonar a sessão de trabalho mais cedo. O clube ainda não informou sobre a gravidade da lesão e se será motivo para paragem.

O português pode voltar à Premier League aos 36 anos, depois de ter jogado no rival Manchester United durante seis anos, entre 2003 e 2009, onde venceu a sua primeira Liga dos Campeões e Bola de Ouro.

O Manchester City procura um ponta de lança neste mercado, depois de ter falhado a contratação de Harry Kane, que vai continuar no Tottenham. O clube treinado por Guardiola contratou apenas um jogador, Jack Grealish, ao Aston Villa, por cerca de 100 milhões de euros.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+