Tempo
|
A+ / A-

Seleção Nacional

Selecionador explica Matheus Nunes. "Porta abriu e ele entrou"

30 set, 2021 - 12:55 • Redação

Fernando Santos reitera que o médio do Sporting estava "à porta" da seleção. Quanto aos lesionados Pepe e Otávio, o selecionador diz que o central está apto, mas o médio não.

A+ / A-

Fernando Santos sublinhou, esta quinta-feira, que a convocatória de Matheus Nunes à seleção nacional era mera questão de tempo.

O médio do Sporting, que escolheu Portugal em detrimento do Brasil, estreou-se entre os eleitos do selecionador nacional com vista aos jogos com Qatar, de caráter particular, e Luxemburgo, relativo à qualificação para o Mundial 2022. Questionado, em conferência de imprensa, sobre o luso-brasileiro, Fernando Santos foi taxativo: "Matheus Nunes estava a bater à porta da seleção. Desta vez, a porta abriu e ele entrou."

"Se o convocámos é porque entendemos, como já tinha dito antes, que tem características que nos podem trazer complementaridade em relação aos outros jogadores que temos para o meio-campo. Mas uma coisa é jogar no clube, outra na seleção. Ele no clube joga com uma linha de três atrás e apenas dois no meio-campo. Agora é integrá-lo, mas do que temos visto dele pode trazer algumas coisas à seleção nacional", aditou.

Pepe apto, Otávio não


Os dois outros luso-brasileiros da seleção são Pepe e Otávio, do FC Porto, que se encontram lesionados. O central foi chamado, mas o médio não. Segundo Fernando Santos, deve-se a informações clínicas díspares.

"A informação clínica que tenho é que [Pepe] está disponível. Basta ver o caso do Otávio, que facilmente estaria convocado para estes dois jogos mas cuja informação que tenho é que não está apto", esclareceu.

Quanto aos jogos com Qatar e Luxemburgo, Fernando Santos admitiu a possibilidade de poupar no primeiro, apesar de "não haver amigáveis" na seleção, para ter a certeza que "todos estão bem" no segundo.

"Não há jogos fáceis. Esta equipa do Luxemburgo tem jogadores de qualidade e tem crescido muito nos últimos anos. Agora, Portugal é claramente favorito para o jogo. Há que olhar para as equipas sem medos, mas com o respeito que merecem", acrescentou o selecionador.

Portugal recebe o Qatar a 9 de outubro, sábado, às 20h15, e o Luxemburgo no dia 12, terça-feira, às 19h45. Ambos serão no Estádio Algarve e terão relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+