Tempo
|
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
Tudo o que precisa de saber sobre o Mundial 2022 Últimas Notícias Mundial 2022
A+ / A-

Noronha Lopes forma comissão de sócios para rever estatutos do Benfica

06 jul, 2021 - 09:13 • Lusa

Comissão conta com sócios como Bagão Félix, João Almeida Loureiro ou Manuel Santos Vítor, entre outros nomes.

A+ / A-

O antigo candidato à presidência do Benfica João Noronha Lopes anunciou, esta terça-feira, a constituição de uma comissão de sócios do clube com o objetivo de criar uma “proposta” de revisão dos atuais estatutos do clube.

“É fundamental avançar para uma revisão dos atuais estatutos. Como um processo bem ponderado e que envolva os associados, sem exceção. O primeiro passo deste processo consistirá numa proposta feita por uma comissão de sócios do clube que muito me honram terem aceitado o meu convite”, pode ler-se no comunicado do antigo candidato, derrotado por Luís Filipe Vieira no último sufrágio.

A comissão, que conta com sócios como Bagão Félix, João Almeida Loureiro ou Manuel Santos Vítor, entre outros nomes, pretende criar uma proposta que não será “um texto fechado, mas sim um documento aberto à discussão”.

“Este documento será ainda objeto dum debate alargado com todos os associados, antes de ser submetido à discussão e votação em futura Assembleia Geral do clube, de acordo com as normas estatuárias”, pode ler-se na nota, que dá conta de que este grupo “já se encontra a trabalhar”.

Lembrando a tradição do clube como “popular”, sendo “de todos e para todos”, o objetivo da iniciativa é “levar mais longe a democracia interna” e modernizar os esforços de transparências do Benfica.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+