Tempo
|
Euranet
Visto de Fora
Begoña Iñiguez e Olivier Bonamici comentam, semanalmente, o país, os portugueses e a Europa. O ponto de vista espanhol e francês para ouvir à sexta-feira às 10h20.
A+ / A-
Arquivo
Falhanço Total

Visto de fora

Alívios vários e um Macron com mais peso

04 fev, 2022 • Anabela Góis


A OMS fala num alívio pandémico na Europa. Há também alívio das restrições para circular entre os Estados-membros da União Europeia e do peso que a medida pode ter na Economia e, sobretudo, no Turismo. Olivier Bonamici e Begoña Iñiguez falam ainda do no empenho de Emmanuel Macron em ganhar protagonismo na mediação da crise entre o Ocidente e a Rússia.

Numa altura em que a Organização Mundial da Saúde (OMS) considera que a Europa está num “cessar-fogo” da pandemia, nesta edição do "Visto de Fora" falou-se do alívio das restrições para circular entre os Estados-membros da União Europeia e do peso que a medida pode ter na Economia, em geral, e no Turismo, em particular.

Olivier Bonamici e Begoña Iñiguez discutiram também o empenho de Emmanuel Macron - que preside o Conselho da União Europeia - em ganhar protagonismo na mediação da crise entre o Ocidente e a Rússia

Numa edição muito variada em que houve espaço para a música, falou-se de uma dupla polémica em Espanha: a reforma laboral que foi aprovada graças ao engano de um deputado e a canção que vai representar o país no Festival Eurovisão da Canção, que não foi a escolhida pelo público.

O resultado das eleições em Portugal foi tema forte nesta edição com os dois comentadores a assumirem derrota total, dos jornalistas que não “souberam ler os sinais”, dos comentadores políticos que erraram nas previsões e das empresas de sondagens que falharam em toda a linha.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.