Tempo
|
Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

Beco com ou sem saída?

29 jul, 2022 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Não é fácil, por agora, imaginar como vai terminar este folhetim.

Cristiano Ronaldo é, mais uma vez, a figura do momento.

Ao longo dos anos, muitos anos, o mais prestigiado jogador português de todos os tempos tem-se mantido na ribalta, destacado pelas mais variadas publicações de todo o mundo, que reconhecem a sua superior categoria, evidenciada pelas marcas impressionantes que tem alcançado em todos os domínios.

CR7 vive por estes dias momentos difíceis, que a sua agenda garantidamente não previa, ao rejeitar manter-se ao serviço do Manchester United, o clube onde chegou em 2003 e que o lançou por uma carreira a todos os títulos brilhantes.

Afastada da Liga dos Campeões, a actual equipa de Ronaldo não veste agora as suas medidas.

E a recusa em não competir na Liga Europa está por assim a conduzir a uma situação da qual não parece fácil sair.

Apesar disso, o Manchester United não parece disposto a abrir mão da dispensa do jogador, ao mesmo tempo que continua a não haver registo de intenções exteriores na sua contratação.

E assim, o futuro de Cristiano está, mais do que nunca, em equação.

Por esta altura chovem críticas de que todo este processo terá sido mal conduzido desde o início pelo próprio jogador, certamente pensando que qualquer dos grandes europeus acabaria por reclamar os seus serviços. Só que, nesse aspecto, o silêncio tem sido ensurdecedor.

Não é fácil, por agora, imaginar como vai terminar este folhetim, sendo no entanto plausível que Ronaldo terá de acabar por se conformar em prosseguir a sua carreira no Manchester United.

Quando se fala na possibilidade de o Sporting abrir as suas portas ao jogador que formou, está a ir-se muito além do sonho, porque a verdade é que nenhuma das partes tem interesse em que a situação se resolva dessa maneira.

Ronaldo ainda não cabe, por enquanto, no clube português, e CR7 também sabe que esse possível momento está muito longe de poder chegar.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ivo Pestana
    29 jul, 2022 RaM 10:53
    Para mim um jogador com contrato e sendo um clube cumpridor, nunca deveria ter uma atitude destas. Roça o ridículo e vergonhoso.