Tempo
|
Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

Som perfeito do carrilhão de mafra

14 jan, 2022 • Opinião de Ribeiro Cristovão


O sortilégio da Taça de Portugal ficou assim de novo à vista na edição ainda me curso, ficando por isso o desejo de que venhamos a ter uma enorme festa na final do vale do Jamor.

Ontem à noite, em Portimão, aconteceu mais uma vez Taça de Portugal. Ou seja, o superfavorito Portimonense, a jogar em casa, uma das equipas sensação do primeiro escalão do futebol português, foi atirado ao tapete pelo décimo classificado da segunda liga, e por um resultado que não permite qualquer tipo de justificações.

Os mafrenses colocaram-se em vantagem muito cedo, chegando à vantagem de dois-a-zero e partindo daí para uma exibição que acabou por confirmar que no futebol não há impossíveis.

Uma muito justa vitória da formação forasteira permite-lhe chegar, pela primeira vez, a uma fase tão adiantada da Taça de Portugal. A seguir, nas meias-finais, desta vez em duas mãos, frente ao Tondela, tudo se mantém em aberto, havendo já garantia de que ou Mafra ou Tondela estarão na final do estádio nacional frente a um dos grandes, neste caso Sporting ou Futebol Clube do Porto.

O sortilégio da Taça de Portugal ficou assim de novo à vista na edição ainda me curso, ficando por isso o desejo de que venhamos a ter uma enorme festa na final do vale do Jamor marcada para o próximo mês de maio.

Em paralelo, vem aí mais uma jornada em que se depositam grandes expectativas.

Tarefas aparentemente menos difíceis aguardam Benfica e Porto, enquanto o Sporting pode contar com dificuldades extremas na sua deslocação a Vizela.

Vindos de uma derrota inesperada e causadora de mossas no conjunto de Alvalade, os leões deverão certamente ter assistido às dificuldades com que os portistas se debateram há poucos dias no mesmo cenário que agora os espera, e das mesmas ter retirado as necessárias lições.

A derrota em Ponta Delgada não deixará de ser linha orientadora para os comandados de Rúben Amorim.

O Benfica volta a jogar no estádio da Luz, desta feita para ali receber amanhã o Moreirense, e por isso parte como favorito para este embate, enquanto o FCPorto volta a Lisboa para acertar contas com o muito fragilizado Belenenses SAD, atualmente lanterna-vermelha da classificação, com apenas duas vitórias em 17 jogos realizados, e com mudanças de treinador às quais se começa a perder a conta.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.