Tempo
|
Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​Dois empates para chegar ao Qatar

13 out, 2021 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Marcar cinco golos à seleção do Luxemburgo é acontecimento que merece destaque, devendo ser igualmente relevada a excelente exibição produzida pelos escolhidos de Fernando Santos.

A noite soberana que a seleção portuguesa viveu ontem no estádio do Algarve rendeu uma larga soma de golos, que não estariam nas previsões de muitos, nós incluídos e, ao mesmo tempo, serviu para dissipar dúvidas que ainda pairam em alguns espíritos do nosso universo desportivo.

Marcar cinco golos à seleção do Luxemburgo é acontecimento que merece destaque, devendo ser igualmente relevada a excelente exibição produzida pelos escolhidos de Fernando Santos.

E, claro, com um sublinhado muito especial para Cristiano Ronaldo, autor de três dos cinco golos marcados, a confirmar que o termo da sua carreira poderá estar ainda muito distante no tempo.

De facto, o mais internacional português jogou e fez jogar revelando-se, mais uma vez, o grande motor da equipa, cuja superioridade nunca esteve em causa no bem emoldurado estádio algarvio, não obstante a reconhecida capacidade do adversário luxemburguês.

Agora faltam dois jogos para alcançar o grande objetivo de chegar à qualificação para o Mundial do próximo ano: jogaremos com a Irlanda do Norte em Belfast no próximo dia 11 de Novembro próximo, e no dia 14 com a Sérvia em Lisboa.

Com menos um ponto do que os sérvios, mas estes com mais um jogo, a seleção nacional tem em sua mão todas as possibilidades de qualificação.

Outra coisa não se pode esperar para além do apuramento para o Mundial de 2022.

O futebol português e a qualidade dos seus jogadores justificam essa presença, que ficará praticamente confirmada caso no próximo jogo consigamos obter uma vitória frente aos irlandeses, a qual está claramente ao nosso alcance.

Mais um mês, e o passaporte ficará com todos carimbos e vistos para a entrada meritória em território do Qatar.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.