Tempo
|
Graça Franco n´As Três da Manhã
Terças e quintas-feiras, às 9h20, n'As Três da Manhã
A+ / A-
Arquivo
Desconfinamento precisa de “uma fiscalização a sério” - Graça Franco
Desconfinamento precisa de “uma fiscalização a sério” - Graça Franco

Graça Franco

Desconfinamento precisa de “uma fiscalização a sério”

13 abr, 2021 • Marta Grosso


Graça Franco espera que o desconfinamento seja feito com muito bom senso e de forma a dissuadir as pessoas a evitar comportamentos de risco.

A comentadora d’As Três da Manhã espera que a decisão a sair do Conselho de Ministros “não seja política” e que haja “uma fiscalização a sério” das regras.

“Ou é para agir e dissuadir a sério ou não faz sentido transformarmos Portugal num estado policial em que ninguém faz nada”, diz.

Graça Franco considera ainda que “não faz sentido” haver uma matriz de risco nacional (mas sim adaptada a cada caso) e discorda que os jovens voltem ao ensino à distância agora.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ivo Pestana
    13 abr, 2021 Madeira 13:33
    Mas os fiscais também estão cansados, não só o pessoal médico. Muitas vezes esquecemos que as autoridades são pessoas também. Basta de ser um país policial, onde por tudo e por nada chamam as polícias.