Tempo
|
Euranet
Euranet
“Compromisso Verde” é um podcast quinzenal sobre crescimento sustentável e transição energética. Da pandemia dos plásticos aos pecados da chamada moda rápida, cada episódio um tema. Uma nova edição disponível às quartas-feiras às 18h00. Esta é uma parceria Renascença Euranet Plus.
A+ / A-
Arquivo

EuranetPlus

UE reforça cooperação com Ucrânia

05 set, 2022 • Vasco Gandra em Bruxelas


​Os representantes da União Europeia e o primeiro ministro ucraniano, Denys Shmyhal, reforçaram hoje a cooperação entre Bruxelas e Kiev com a assinatura de uma série de acordos durante o oitavo Conselho de Associação entre as duas partes que decorreu na capital comunitária. Bruxelas reafirmou ainda o apoio político, militar e financeiro da UE à Ucrânia face à invasão russa.

Os quatro acordos setoriais incluem uma nova ajuda financeira de 500 milhões de euros à Ucrânia destinada a financiar alojamento e educação de deslocados e ainda a apoiar o setor da agricultura no país, incluída no programa de apoio anunciado na primavera.

A Comissão Europeia e os representantes ucranianos assinaram ainda dois acordos que abrem caminho à participação da Ucrânia em dois programas da UE: o «Fiscalis», o programa da UE para a cooperação no domínio da fiscalidade, e o «Alfândega», o programa da UE para a cooperação no domínio aduaneiro.

Bruxelas e Kiev também assinaram um acordo para associar a Ucrânia ao Programa Europa Digital que permitirá às empresas, organizações e administrações públicas ucranianas aceder aos convites à apresentação de propostas do Programa Europa Digital, que dispõe de um orçamento global de 7 500 milhões de euros para o período de 2021-2027. A Ucrânia poderá candidatar-se ao financiamento e apoio a projetos em áreas-chave como supercomputação e a inteligência artificial.

Na conferência de imprensa após o encontro, o Alto Representante para a Política Externa da UE, Josep Borrell, reafirmou o apoio da UE à Ucrânia face à Rússia. "A principal mensagem do encontro de hoje para o mundo inteiro é que a União Europeia vai continuar a apoiar a Ucrânia, qualquer que seja a ameaça ou chantagem da Rússia em relação a nós. Vamos fornecer o nosso apoio, politicamente, financeiramente, humanitário e militar, o tempo que durar e tanto quanto for preciso".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.