Tempo
|
Euranet
Euranet
“Compromisso Verde” é um podcast quinzenal sobre crescimento sustentável e transição energética. Da pandemia dos plásticos aos pecados da chamada moda rápida, cada episódio um tema. Uma nova edição disponível às quartas-feiras às 18h00. Esta é uma parceria Renascença Euranet Plus.
A+ / A-
Arquivo

Há 700 mil pessoas sem-abrigo na UE

28 jul, 2022 • Vasco Gandra, correspondente da Renascença em Bruxelas


Número representa um aumento de 70% em 10 anos, segundo as estimativas do último relatório da FEANTSA.

Atualmente, há cerca de 700 mil sem-abrigo na União Europeia. São pessoas que não têm casa, dormem na rua ou num local de urgência temporário.

O número representa um aumento de 70% em 10 anos, segundo as estimativas do último relatório da FEANTSA, a federação europeia que representa as organizações de apoio aos sem abrigo de 30 países da Europa.

O perfil das pessoas sem-abrigo mudou na última década. Antes, os homens eram a maioria. Atualmente, há muitas famílias com crianças, jovens, mulheres, famílias monoparentais, idosos e migrantes.

A FEANTSA alerta para a necessidade de dar resposta às diferentes necessidades destas pessoas, em função dos respectivos perfis, e para o facto de as pessoas sem abrigo terem uma situação de saúde mais frágil e uma esperança de vida mais reduzida em relação ao resto da população.

A organização também alerta para o facto de não haver dados comparáveis a nível europeu que permitam conhecer com rigor o número de pessoas sem-abrigo na UE.

A FEANTSA e a Fundação Abbé Pierre sublinham que é possível facultar um abrigo digno e imediato, por pelo menos um período de um ano, a todas as pessoas nesta situação na UE, utilizando 3% das verbas do plano de recuperação europeu pós Covid (a "bazuca" de ajudas europeias).

A FEANTSA diz que o número de sem-abrigo diminuiu durante a pandemia graças a medidas de urgência decididas pelos Estados-membros para dar apoio e abrigo a estas pessoas. Conclui por isso que é possível resolver a situação destas pessoas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • JM
    29 jul, 2022 Seixal 13:39
    E qual foi o aumento do número de milionários nos últimos 10 anos? Também seria interessante saber.