Tempo
|
Conversas Cruzadas
Programa sobre a atualidade que passa ao domingo, às 12h00, com reposição à segunda às 00h00.
A+ / A-
Arquivo
A quarta vaga - Conversas Cruzadas
A quarta vaga - Conversas Cruzadas

Conversas Cruzadas

A quarta vaga

11 jul, 2021 • José Bastos


Nuno Botelho, Eduardo Baptista Correia e Manuel Carvalho da Silva.

Os novos ajustes na estratégia de combate à pandemia levaram ao abandono de medidas a vigorar há menos de um mês. A aposta agora passa pela vacinação e testagem e criar condições para – em teoria – restaurantes e hotéis funcionarem com o mínimo de restrições.

No novo quadro deixa de haver limitações, durante todo o fim de semana, a entradas ou saídas da Área Metropolitana de Lisboa, mas subsiste a proibição de circulação na via pública entre as 23 horas e as 5 da manhã seguinte.

O elemento de maior novidade é a ampliação das funcionalidades do certificado digital covid, documento que atesta a vacinação integral, usado até aqui para acesso a eventos, viagens e espetáculos. O certificado passa agora a passaporte para restaurantes (das 19h de sexta às 22h30 de domingo) em 60 concelhos. Férias em alojamentos turísticos também só com teste ou certificado covid.

Este novo cenário foi a saída para suavizar as consequências do aumento de novos casos (54% na última semana) sem voltar a apertar nas restrições. Os internamentos hospitalares subiram 22% e nos cuidados intensivos aumentaram 18%. A boa notícia é que, ao contrário do início do ano, a boa taxa de vacinação, o número de contágios já não pressiona da mesma forma o SNS.

Volta assim o debate sobre as insuficiências no combate à pandemia. Terá ficado provado não resultarem medidas restritivas como isolar Lisboa? Faz sentido insistir em confinamentos com 60% dos portugueses já vacinados? Quem tem vacinas completas deve estar sujeito a isolamento profilático?

A análise é de Nuno Botelho, líder da ACP – Câmara de Comércio e Indústria, Eduardo Baptista Correia, gestor, e Manuel Carvalho da Silva, sociólogo, professor da Universidade de Coimbra .

União Europeia 2050
Lisboa e Berlim
12 set, 2021

Lisboa e Berlim

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.