Tempo
|
48k
Rubrica sobre tecnologia com a jornalista Cristina Nascimento para ouvir quarta-feira às 21h40 e sábado às 7h40.
A+ / A-
Arquivo
Limpar oceanos, Organização retira 100 toneladas do Pacífico

48k

Limpar oceanos. Organização retira 100 toneladas do Pacífico

29 jul, 2022 • Cristina Nascimento , André Peralta (sonorização)


The Ocean Cleanup tem por objetivo retirar dos oceanos 90% do lixo até 2040.

É uma luz de esperança ao fundo do túnel. A Organização sem fins Lucrativos The Ocean Cleanup desenvolveu melhorias na tecnologia que usa para recolher lixo dos oceanos e rios. Por estes dias Há dias esta organização atingiu um marco assinalável: em 11 meses retirou 100 toneladas de lixo do Oceano Pacífico.

A Ocean Clean Up usa embarcações movidas a energia solar para tirar lixo da água. Numa primeira experiência, anterior a 2021, o sistema já tinha conseguido tirar sete toneladas de plástico, mas com as melhorias alcançadas essa fasquia subiu para as 100 toneladas em 11 meses. A organização já está a testar uma terceira versão do sistema que, assegura, poderá recolher 10 vezes mais resíduos.

O lixo é recolhido, trazido para terra e reciclado. A Ocean Cleanup já produziu uma linha de óculos escuros feitos com plástico reciclado que esgotaram em fevereiro deste ano. Para já decidiram que não vão voltar a dedicar-se ao fabrico de produtos semelhantes, tendo estabelecido parcerias para que o lixo recolhido seja usado por outros.

A organização refedre que na Grande Ilha de Lixo do Oceano Pacífico, há entre um a dois milhões de toneladas essencialmente de plástico, uma mancha que equivale a três vezes a dimensão de França.

A Ocean Clean Up tem como objetivo limpar 90% do plástico nos oceanos até 2040.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.