Tempo
|

Renascença Ouve +
A+ / A-

Apoio Renascença

Vinhos no Pátio de regresso ao Pátio da Galé

Ana Marta Domingues


De 9 a 11 de dezembro entre no novo espírito do vinho e da gastronomia. Os vinhos e o enoturismo das regiões de Lisboa e da Península de Setúbal estão de regresso ao Pátio da Galé.

Esta já é a 6ª. Edição de um evento imperdível para os grandes apreciadores de vinho.

A Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa e as Comissões Vitivinícolas Regionais de Lisboa e da Península de Setúbal retomam o evento Vinhos no Pátio, no Pátio da Galé.

Os grandes nomes das duas regiões reúnem-se e partilham o palco desta 6ª edição, aproveitando para mostrar ao público os seus mais recentes lançamentos, entre clássicos e estreias absolutas. Os provadores da Revista de Vinhos, Célia Lourenço e Manuel Moreira, conduzem masterclasses e workshops diários, estando igualmente em funcionamento permanente os espaços de restauração Can the Can e do chefe Miguel Castro e Silva.

Durante três dias poderá provar mais de 200 vinhos, contactar com propostas diversificadas de enoturismo, participar em workshops e masterclasses e fazer uma pausa para petiscar.

Programa

Sexta-feira, 9 de dezembro

Abertura: 17:00

17:30 - masterclass (reservada a profissionais da hotelaria e turismo) que focará “Raridades de Lisboa e de Setúbal”, vinhos de castas como Moscatel Roxo, Tinta Miúda, Ramisco, Tamarez, Vital, entre outras, que reforçam o sentido de palavras como autenticidade ou diversidade.

19:00 – workshop “Lisboa e Setúbal, vinhos das areias e vinhos de calcário”

20:00 - masterclass (aberta ao público em geral) sobre o tema “Lisboa, o nervo atlântico”, onde serão sublinhados os solos, o relevo ondulado de uma multiplicidade de encostas e consequentes exposições solares, a proximidade ao oceano e as brisas salgadas, a influência das serras, todo este conjunto de fatores que contribui para a frescura, boa acidez natural, mineralidade e potencial de longevidade dos vinhos da região.

Sábado, 10 de dezembro

Abertura: 15:00

16:00 -“Grande Prova de Moscatéis de Setúbal”, que seduzem pelos aromas encantadores, que surpreendem pelo equilíbrio entre doçura e frescura notabilizando o ofício da enologia pela perenidade que lhe é transmitida pela arte do lote e do estágio.
17:30 – workshop “Castelão de Lisboa, Castelão de Setúbal: descubra as diferenças”

19:00 - “Quando duas regiões casaram com o mundo”, masterclass sobre vinhos obtidos a partir de castas ditas internacionais, que resultam em exemplares francamente surpreendentes.

19:30 – workshop “Vinhos para o Natal: Lisboa e Setúbal no sapatinho!”

O sábado termina com sonoridades de jazz vintage e a atuação ao vivo do coletivo 24 Robbers Swing Trio.

Encerramento: 22:00

Domingo, 11 de dezembro

Abertura: 14:00

15:00 – a masterclass “Setúbal: o Castelão que é Periquita” apresentará exemplares que comprovam a plasticidade de uma das grandes castas portuguesas e que, em Setúbal, é protagonista maior.

17:30 – a masterclass “Caça ao Tesouro: as pérolas de Lisboa” despertará certamente as consciências dos seus participantes para a originalidades de vinhos como os Malvasia de Colares, os Carcavelos, os Medieval de Ourém e até a Aguardente da Lourinhã.

Encerramento: 19:00

Bilhetes: a entrada custa 5,00€ e inclui copo de provas, a inscrição nas masterclasses e workshops é gratuita, sujeita ao número de lugares disponíveis.

Vinhos no Pátio é uma organização da Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa e da Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal, com apoio da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa e produção de Essência – Comunicação e Eventos.

Aceite esta sugestão Renascença para entrar no novo espírito do vinho e da gastronomia.

Saiba mais aqui: https://www.revistadevinhos.pt/eventos/evento-vinhos-no-patio-regressa-para-6a-edicao

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.