Tempo
|

Renascença Ouve +
A+ / A-

Concorde

Carlos Bastos


São 12 meses, 52 semanas, 365 dias (mais um de bónus a cada 4 anos), com milhões de factos estapafúrdios sem efeitos secundários para o seu cérebro. Bem, em princípio. Clique. Coragem, vá lá, clique. Afinal é só Um Dia na História. Não pode fazer mal, pois não?

Concorde
Concorde

O Concorde foi, um projeto megalómano que podia transportar pessoas ao dobro da velocidade do som através do Atlântico. E os passageiros, podiam ir a beber o seu champanhe, tranquilamente.

Claro que isso, tinha custos. As passagens, custavam muito dinheiro e os aviões também. Cada avião, custava o equivalente a um moderno, F22 Raptor.

Tinha a particularidade de ser, imediatamente, reconhecido pelo bico longo do seu nariz elegante que era fantástico para velocidades supersónicas, mas que, bloqueava a visão dos pilotos nas manobras na pista.

Por essa razão, o cone do nariz podia mover-se para cima e para baixo, para facilitar a vida aos pilotos.

Hoje, faz anos que se reformou, oficialmente, e por isso vamos recordá-lo no "Um dia na História"

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.