Tempo
|

Renascença Ouve +
Porta Aberta
A+ / A-

Por três vezes teve de fugir à guerra

Porta Aberta para Ir. Glória Maalouf


Portugal é a pátria que Deus lhe deu

Porta Aberta - Ir. Glória Maalouf
Porta Aberta - Ir. Glória Maalouf

Aos Domingos, entre as 10h e as 11h da manhã, a Renascença tem a Porta Aberta para homens e mulheres com histórias únicas, que a vida levou por caminhos diferentes… amigos de Deus!

Libanesa, a Irmã Glória Maalouf tinha apenas 10 anos quando teve de fugir pela primeira vez à guerra. Cresceu e amadureceu com muitas perguntas, dividida entre a angústia e a esperança... até que encontrou Deus e se tornou religiosa na congregação das Servas do Coração Imaculado de Maria.

Hoje, a Irmã Glória Maalouf vive em Fátima, onde Nossa Senhora falou de guerra e de paz. Na Quinta-feira, 1 de Julho, acompanhou com a sua oração a jornada de reflexão e oração pelo Líbano promovida pelo Papa Francisco, no Vaticano. O Papa, garante a Irmã Glória, tem razão: ´O essencial é a conversão, porque a paz é dom de Deus. Não é obra do homem: é mesmo dom de Deus. Deus dá este dom a quem vive os Seus mandamentos, a quem procura ser fiel a Deus´.

O Papa apelou a que os cristãos vivessem como cristãos e os políticos deixassem a corrupção.

Oiça esta edição do Porta Aberta nesta página e aproveite ainda para subscrever o podcast deste e de outros programas da Renascença AQUI.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.