A+ / A-

Fernando Freire de Sousa no Conversas na Bolsa


Edição de 24 de maio com o presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte.

O Palácio da Bolsa, no Porto, é o cenário perfeito para grandes debates e convidados de excelência com as “Conversas na Bolsa”.

A Renascença e a Associação Comercial do Porto convidam-no a ouvir figuras de relevo do mundo empresarial, político, académico e cultural português a debater as grandes questões da atualidade.

A próxima edição realiza-se a 24 de maio e conta com a participação do Prof. Dr. Fernando Freire de Sousa, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, que abordará o tema “A minha circunstância e o nosso desenvolvimento”.

Natural do Porto, Fernando Freire de Sousa licenciou-se em Economia pela Faculdade de Economia da Universidade do Porto, doutorando-se em Ciências Económicas pela Sorbonne.

Desempenhou diversos cargos académicos e profissionais, tendo sido Secretário de Estado para a Competitividade e Internacionalização do XIII Governo Constitucional (1996/97).

Em 2006, recebeu do Presidente da República Portuguesa a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique.

No próximo dia 24 de maio, pelas 12h30, assista ao 18º almoço-conferência no Palácio da Bolsa com a presença do Prof. Dr. Fernando Freire de Sousa.

Saiba mais sobre esta edição das “Conversas na Bolsa” AQUI.

As Conversas na Bolsa são uma iniciativa da Associação Comercial do Porto com o apoio da Renascença.


Informações:

“Conversas na Bolsa” edição de 24 de maio, às 12h30, no Palácio da Bolsa, Porto

Inclui:
- Receção aos participantes e cocktail de boas-vindas
- Almoço
- Intervenção do orador
- Sessão de perguntas e respostas

Condições de participação:
– Sócios: gratuito
– Convidados de sócios: 25€/pax
– Não sócios: 35€/pax

Pode efetuar a inscrição AQUI.
Mais informações através do telefone 925978070 ou email: eventos@cciporto.pt

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.