Jacinto Lucas Pires-Henrique Raposo
Um escritor, dramaturgo e cineasta e um “proletário do teclado” e cronista. Discordam profundamente na maior parte dos temas. À segunda e quarta, às 9h15
A+ / A-
Arquivo
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - Apoio à Natalidade - 05/12/2018
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - Apoio à Natalidade - 05/12/2018
​H. Raposo

Apoio à natalidade requer mudança cultural. “Há um machismo entranhado no nosso ADN”

05 dez, 2018


Comentadores da Renascença debatem pacote de medidas para apoiar a natalidade e melhor a conciliação entre a vida familiar e profissional.

O comentador da Renascença Henrique Raposo aplaude o pacote de medidas de apoio à natalidade, apresentado esta quarta-feira de manhã pela secretária de Estado da Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, no programa Carla Rocha – Manhã da Renascença.

No entanto, diz o comentador, é preciso mais do que estas medidas. “É preciso uma mudança cultural nos homens. Há um machismo entranhado no nosso ADN, tão entranhado que as pessoas nem percebem que é machismo”, diz.

Já o escritor Jacinto Lucas Pires identifica “várias boas intenções”, mas “que não estão concretizadas, são vagas”.

“É verdade que as mentalidades não mudam por decreto mas é importante que o Estado dê sinais”, acrescenta.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.