A+ / A-

Tempo ajuda fim de semana prolongado. Temperaturas só devem baixar no domingo

04 out, 2018


Nos Açores, o cenário é diferente, com o IPMA a prolongar o aviso amarelo por causa da chuva forte e eventual trovoada.

Vai estar sol e as temperaturas vão rondar os 30 graus em praticamente todo o território do continente durante o fim de semana prolongado, que para muitos portugueses começa já nesta quinta-feira.

Hoje, o céu vai estar geralmente limpo e o vento a soprar fraco. Apesar de estar prevista uma pequena descida da temperatura máxima no litoral Norte e Centro, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) reconhece que os valores registados estão acima dos níveis considerados normais para a época.

Em Lisboa, o termómetro deverá subir aos 30 graus, no Porto aos 27, Beja e Castelo Branco aos 31 e Évora aos 32, Faro aos 29, Coimbra deverá chegar aos 30 e a Guarda aos 25.

Na sexta-feira, feriado nacional, o cenário previsto é muito idêntico: em Lisboa, o termómetro deverá subir aos 30 graus, no Porto aos 21, Beja e Évora devem chegar aos 32 graus, Faro aos 28, tal como Coimbra; Castelo Branco aos 30 e a Guarda aos 28.

Só no domingo se deverá sentir algum arrefecimento, podendo mesmo haver períodos de maior nebulosidade em algumas zonas.

As máximas descem para os 27 graus em Lisboa, para os 20 no Porto, Beja e Évora mantêm-se nos 30 e 31 graus, Faro mantém os 28 graus de máxima e Castelo Branco os 31, Coimbra e Guarda ficam-se pelos 23.

Na Madeira, a temperatura andará sempre à volta das 25 graus, sendo que o termómetro deverá subir, nesta quinta-feira, aos 28 graus.

Prolongado aviso amarelo para as ilhas de São Miguel e Santa Maria

Nos Açores, o IPMA prolongou, até às 21h00 desta quinta-feira, o aviso amarelo para São Miguel e Santa Maria, tendo em conta a instabilidade do tempo, com possibilidade de chuva forte e trovoada.

"Entre as 7h00 e 9h00 choveu intensamente no Nordeste e na Povoação (São Miguel) e decidimos prolongar o aviso amarelo. Há uma melhoria hoje, mas depois o agravamento na madrugada de sexta-feira e assim sucessivamente até domingo", explica Fernanda Carvalho, meteorologista da delegação nos Açores do IPMA, em declarações à agência Lusa.

A meteorologista explica que o mau tempo nas duas ilhas do grupo Oriental tem a ver com "uma depressão localizada a sul dos Açores que tem associada uma grande instabilidade", acrescentando que "só a partir de domingo é que a situação estará ultrapassada".

Contactadas pela Lusa, fontes dos Bombeiros do Nordeste e da Povoação referiram não haver registo de quaisquer ocorrências.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.