Tempo
|
A+ / A-

Chaves viaja ao tempo dos castelos em clave musical

15 jun, 2021 - 09:57 • Olímpia Mairos

Com entrada livre, mas com lotação limitada, o espetáculo de música ancestral tem lugar nos jardins da Torre de Menagem.

A+ / A-

O primeiro de uma série de seis espetáculos, todos inseridos na iniciativa cultural, “Chaves, polo de cultura em rede: dois mil anos de história, arquitetura e cultura”, está marcado para o dia 19 de junho, às 21h00.

Com o palco instalado nos jardins da Torre de Menagem, recentemente qualificados, a iniciativa cultural promete proporcionar uma viagem ao “Tempo dos Castelos”, através da recriação do cenário para uma comédia do ridículo, com luz projetada na torre do Castelo de Chaves, terminando com pequeno apontamento de pirotecnia.

Segundo a organização não faltará música ancestral, cantigas trovadorescas, histórias, teatro e sátiras.

“Um divertido espetáculo, com música ancestral que apresenta sonoridades dessa longínqua época através dos instrumentos como o alaúde, a gaita-de-foles, o rabel, a flauta, a tarota e diversas percussões farão parte do repertório de instrumentos, mas sempre acompanhadas de melódica voz”, adianta a autarquia em comunicado.

Os conteúdos artísticos para o espetáculo, inspiraram-se em narrativas ancestrais a respeito de um teatral D. Afonso III, sua consorte a rainha D. Beatriz e as Infantas, que agora são reinterpretadas através da música e da teatralização de uma história romanceada, pela companhia de teatro Décadas de Sonho, especializada em eventos, espetáculos e animações históricas.

“A intensa trama, sempre acompanhada de músicas trovadorescas, é naturalmente ficcionada, e conta que um trovador com aspirações de ascensão social quer desposar uma das filhas da rainha, e, ao mesmo tempo, dois moços de estrebaria também se acham dignos de tal disputa”, acrescenta a autarquia.

O recinto do espetáculo tem lotação limitada a 200 espectadores, a entrada é gratuita, mas carece de levantamento prévio de bilhete na Biblioteca Municipal de Chaves.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+