Tempo
|
Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​Muitos milhões à vista

05 mai, 2021 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Depois da Comissão de Inquéritos ter recomendado o arquivamento do processo, o atual Conselho de Disciplina optou agora por este castigo singular. Perseguição a Rúben Amorim e ao Sporting? A maioria afirma perentoriamente que sim.

A 31.ª jornada do campeonato da I Liga arranca esta quarta-feira com a realização de três encontros, o principal das quais terá palco em Vila do Conde onde o Sporting Clube de Portugal vai tentar manter a invencibilidade que suporta desde o dia 20 de Setembro do ano transato.

Está provado que jogar com o Rio Ave não é tarefa fácil para os leões lisboetas. E para confirmar esta asserção basta recordar o que aconteceu em Janeiro, na jornada 14, no Estádio José Alvalade. Nessa altura, registou-se um dos sete empates que registam até agora, 1-1, com o golo dos vilacondenses então fabricado por três jogadores oriundos da formação sportinguista, Geraldes, Mané e Gedson.

Para além da qualidade dos comandados de Rúben Amorim demonstrada, sobretudo, nos dois jogos mais recentes, há também o registo de uma tremenda motivação de toda a equipa, a que acresce o desejo de não criar embaraços nas jornadas seguintes, tentando acautelar assim o mais cedo possível a conquista do título de campeão nacional.

E a isto acresce ainda o facto de, com uma vitória no jogo de logo à noite, o Sporting garante de imediato a receita de 32 milhões de euros, pelo facto de ficar automaticamente qualificado para a fase de grupos da próxima edição da Liga dos Campeões Europeus.

No entanto, para este Sporting parece não haver, este ano, bela sem senão. A mais recente notícia diz-nos que o seu treinador Rúben Amorim está impedido de se instalar logo à noite no banco de suplentes, por ter sido castigado com seis dias de suspensão, após o jogo com o FCPorto disputado em Outubro do ano passado, devido a declarações produzidas pelo técnico.

Depois da Comissão de Inquéritos ter recomendado o arquivamento do processo, o atual Conselho de Disciplina optou agora por este castigo singular.

Perseguição a Rúben Amorim e ao Sporting? A maioria afirma perentoriamente que sim.

Quem acompanha as aleivosias que passam impunes com muita frequência no futebol português não pode deixar de ficar espantado.

Como diz o clube leonino no seu comunicado a reagir à notícia, a nossa “justiça desportiva está completamente exposta ao ridículo.” Há dúvidas?...

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.