Tempo
|
A+ / A-

Haiti. Sequestrados cinco sacerdotes e duas religiosas

12 abr, 2021 - 12:12 • Olímpia Mairos

Bispos apelam à libertação dos religiosos. Os sequestradores pediram um resgate de cerca de 840 mil euros (um milhão de dólares).

A+ / A-

Cinco padres católicos, entre eles dois franceses, e duas religiosas são as últimas vítimas de mais um episódio de violência no Haiti.

A notícia é avançada pelo portal de notícias do Vaticano, citando a Conferência Episcopal do Haiti.

Os sete religiosos terão sido atacados e sequestrados durante uma viagem na região nordeste da capital, Porto Au Prince, tendo os sequestradores exigido um milhão de dólares para a sua libertação.

“A nação deve levantar-se para combater estes episódios", afirmou o padre Gilbert Peltrop, secretário-geral da Conferência Haitiana, citado pelo portal de notícias do Vaticano.

Recorde-se que há menos de duas semanas, homens armados raptaram um pastor e três outras pessoas.

O Haiti vive “uma situação de extrema dificuldade” e está “à beira da explosão”. Uma situação que motivou um alerta da conferência episcopal daquele país, ao mesmo tempo que exortava todos os habitantes a “serem solidários uns com os outros, especialmente com aqueles que sofrem”.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+