Tempo
|
A+ / A-

Covid-19. Estado clínico do presidente da Câmara de Viseu piorou

28 mar, 2021 - 22:49 • Lusa

Almeida Henriques está internado no serviço de medicina intensiva do Hospital de São Teotónio.

A+ / A-

Veja também:


O estado clínico do presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques, agravou-se nas últimas horas, depois de ter sido internado no início do mês, infetado pelo novo coronavírus, afirmou este domingo o município.

"Nas últimas horas, registou-se uma evolução desfavorável, com agravamento do estado clínico" de Almeida Henriques, informou a Câmara de Viseu, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Almeida Henriques está internado no serviço de medicina intensiva do Hospital de São Teotónio.

"O município de Viseu agradece as muitas mensagens de incentivo, provenientes de todo o país, dos mais diversos quadrantes, bem como a solidariedade demonstrada por todos os viseenses", salientou a autarquia, na mesma nota.

No início de março, a autarquia tinha informado que o presidente da Câmara de Viseu (PSD) tinha testado positivo, mas sentia-se bem, tendo apenas "sintomas ligeiros", e que estava a trabalhar a partir de casa.

No entanto, Almeida Henriques acabou por ser internado no Hospital de São Teotónio, após a agudização dos sintomas, por precaução e para permitir uma mais fácil monitorização da evolução.

A 10 de março, o autarca foi transferido para a Unidade de Cuidados Intensivos, devido ao agravamento da insuficiência respiratória provocada pela covid-19, que levou à necessidade de entubação e ventilação mecânica.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+