Tempo
|
A+ / A-

Joachim Low diz que saída ajudará seleção alemã a crescer

11 mar, 2021 - 16:12 • Redação com Lusa

Adeus após o Euro 2020, em vez do Mundial 2022, dará à Alemanha tempo de se preparar para receber o Euro 2024.

A+ / A-

Joachim Low admite que a saída do cargo de selecionador após o Euro 2020 dará oportunidade à Alemanha para "ter espaço" e "desenvolver-se".

“Sempre disse que a equipa precisa de espaço, precisa de tempo e de desenvolvimento”, comentou o selecionador alemão, esta quinta-feira, dois dias depois de a Federação Alemã de Futebol (DFB) ter anunciado que Löw vai deixar o cargo após o Europeu.

O treinador, de 61 anos, falou pela primeira vez após o anúncio de que irá sair. Explicou que o facto de o adeus se concretizar após o Europeu e não após o Mundial 2022, no Qatar, dará à Alemanha tempo de se preparar para a competição que vai receber, o Euro 2024:

“Três anos para se preparar para o torneio na própria casa está bem."

O treinador assumiu a "Mannschaft" após o Mundial 2006, que a Alemanha organizou e na qual era adjunto de Jürgen Klinsmann. É um dos treinadores com mais tempo à frente da equipa, com 189 jogos desde agosto de 2006.

Com Joachim Low, a seleção alemã sagrou-se campeã mundial em 2014, no Brasil. No entanto, no Mundial seguinte, em 2018, foi afastada ainda na fase de grupos, terminando o seu grupo em último lugar, com os mesmos três pontos da Coreia do Sul, terceira.

“Penso que foi a decisão mais correta, começar a fazer-se mudanças em 2019, para que esta jovem geração atinja o seu potencial em 2024”, sublinhou o técnico, acrescentando, porém, “total concentração” para o Europeu deste ano.

Na competição, que foi adiada um ano devido à pandemia da covid-19, e que decorrerá em 12 cidades de 12 países, a Alemanha integra o grupo F, com Portugal, o campeão europeu em título, França, a campeã mundial, e Hungria. Portugal e Alemanha defrontam-se na segunda jornada do grupo, a 19 de junho, em Munique.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+