Tempo
|
A+ / A-

Europeu de Atletismo

Portugal termina em segundo lugar no quadro de medalhas

07 mar, 2021 - 20:14 • Lusa

Equipa das quinas faz o melhor resultado de sempre na prova e só é ultrapassada pela Holanda.

A+ / A-

Portugal, com três títulos nos Europeus de atletismo de pista coberta de Torun, na Polónia, fecha a edição com um inédito segundo lugar no quadro de medalhas, logo atrás de Holanda, que obteve quatro ouros.

O triplo sucesso luso na Polónia, através de Auriol Dongmo, Patrícia Mamona e Pedro Pichardo, é mesmo o melhor registo de sempre da seleção lusa, que só tinha tido duas vitórias por uma ocasião, em 1996, em Estocolmo.

Com quatro medalhas de ouro, uma de prata e duas de bronze, a Holanda é o destaque coletivo desta edição, aparecendo em terceiro, logo atrás de Portugal, com dois triunfos, Grã-Bretanha, Bélgica, França, Ucrânia, Noruega e Suíça.

No conjunto de todas as medalhas, Portugal desce na listagem para nono, numa lista encabeçada pela Grã-Bretanha (12), seguida pela Polónia (10) e Holanda (sete).

No total, 20 países conseguiram medalhas, confirmando a tendência para maior distribuição que se esperava, face à ausência de atletas da Rússia.

A nível individual, o único multimedalhado foi o norueguês Jakob Ingerbritsen, que fez a dobradinha nos 1.500 e 3.000 metros.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+