Tempo
|
A+ / A-

Atletismo

António Costa saudou Pichardo pelo ouro no Europeu

07 mar, 2021 - 15:00 • Lusa

Pedro Pablo Pichardo fez o melhor triplo salto na final dos Europeus, que decorrem na Polónia, e conquistou a segunda medalha para Portugal.

A+ / A-

O primeiro-ministro, António Costa, felicitou o atleta Pedro Pichardo pela conquista da medalha de ouro do triplo salto dos Campeonatos da Europa de atletismo em pista coberta, em Torun, Polónia.

"Mais uma grande conquista nos Europeus de atletismo em pista coberta. As minhas felicitações a Pedro Pablo Pichardo que acaba de ganhar o ouro no triplo salto!", referiu António Costa, numa mensagem na rede social Twitter.

O atleta português chegou ao primeiro lugar do pódio com a marca de 17,30 metros e superou todos os adversários por larga margem, com o azeri Alexis Copello (17,04) a ficar em segundo e o alemão Max Hess (17,01) em terceiro.

O secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, também elogiou a medalha de ouro de Pichardo.

"Pedro Pablo Pichardo conquista o seu primeiro título europeu para Portugal no triplo salto. Grande resultado no Campeonato da Europa em pista coberta, que lhe antecipa um grande ano desportivo rumo a Tóquio 2021! Muitos Parabéns", refere o governante na rede social Twitter.

Pichardo, de 27 anos, nasceu em Cuba e naturalizou-se português no final de 2017.

Há dois anos, foi quarto classificado nos Campeonatos do Mundo, mas no seu currículo conta ainda com duas medalhas de prata, em 2013 e 2015, ainda como atleta de Cuba.

Esta é a segunda medalha de Portugal nestes Europeus de Torun, depois do ouro de Auriol Dongmo no lançamento do peso, sexta-feira, elevando para 25 o total das medalhas lusas em todas as edições dos campeonatos.

Ainda este domingo, Patrícia Mamona é candidata a medalha na final da prova do triplo salto feminino.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+