Tempo
|
A+ / A-

CNIS reforça pedido para cumprimento de regras da vacinação em lares

25 jan, 2021 - 13:32 • Henrique Cunha

Padre Lino Maia promete voltar ao assunto esta tarde na reunião online que vai esta tarde com os presidentes das Uniões Distritais das Instituições Particulares de Solidariedade Social. Às autoridades de saúde, pede clareza.

A+ / A-

O presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade Social sublinha a necessidade de “se ser muito rigoroso” e pede “às instituições que cumpram religiosamente” as regras, porque “são instituições que têm feito muito e bem, e também neste aspeto (vacinação) devem dar o exemplo”.

Perante as notícias de que poderão estar a ser vacinadas pessoas que não deveriam ser incluídas nesta fase, o padre Lino Maia relembra critérios.

“Primeiro, devem ser vacinados os utentes idosos e pessoas de lares residenciais. O segundo grupo é o dos colaboradores/trabalhadores e, em terceiro lugar, pessoas que estejam na instituição em contato com os utentes; aquilo que eu chamo de dirigentes ativos. Esta é a ordem que deve ser cumprida religiosamente”, sublinha.

Noutro plano, o padre Lino Maia pede também clareza às autoridades de saúde, porque muitas das vezes “não dependente das instituições”.

O sacerdote diz que “falta uma orientação rigorosa por parte da saúde, porque é a saúde que vai com equipas que orienta a vacinação” e, por isso, pede “também às equipas da saúde para que colaborem, para que sejam cumpridas as orientações”.

Saiba Mais
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+