Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus

Saiba com quem é que Marcelo esteve em contacto na última semana

11 jan, 2021 - 23:16 • Filipe d'Avillez , Eunice Lourenço

Nem todos os contactos de risco de Marcelo Rebelo de Sousa desde a passada segunda-feira são públicos, mas estas são as pessoas que sabemos que tiveram contacto próximo - mas não necessariamente de risco - com o Presidente ao longo desta semana.

A+ / A-

Veja também:


Desde a passada segunda-feira, altura em que Marcelo Rebelo de Sousa teve contacto com o seu assessor que entretanto ficou doente, que o Presidente teve contacto com uma série de pessoas. Na lista incluem-se vários candidatos à presidência da República.

Marcelo Rebelo de Sousa acusou positivo num teste à Covid, esta segunda-feira. Há, precisamente, uma semana tinha tido contacto com um dos seus assessores, Paulo Magalhães, que, na terça-feira, teve sintomas e foi testado. Na quarta, perante o teste positivo do assessor, a Presidência divulgou que Marcelo estava em isolamento profilático. O isolamento, contudo, só durou umas horas, pois ainda nessa tarde, foi divulgado que a autoridade de saúde (a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo) tinha considerado o contacto como sendo de baixo risco.

E o Presidente nessa quarta-feira à noite seguiu para a SIC onde tinha o debate com André Ventura, o líder do Chega e candidato presidencial, que já anunciou que ficará em isolamento profilático a aguardar instruções das autoridades de saúde. O debate foi moderado por Clara de Sousa.

No dia seguinte, quinta-feira 7, Marcelo debateu com Vitorino Silva, na RTP, tendo Carlos Daniel a moderar. E no dia 9, o debate foi com Ana Gomes, novamente com Carlos Daniel como moderador. Para além dos candidatos, acrescem as várias pessoas que no contexto normal de uma emissão televisiva teriam tido contacto próximo com o Presidente, desde o moderador aos maquilhadores e outros assistentes de produção. Pelo menos um dos moderadores, Clara de Sousa, já anunciou que vai entrar em isolamento. Numa mensagem no Facebook escreve: "Estou bem. Sem sintomas. Tranquila. Em casa no quentinho da lareira. De quarentena por precaução por ter moderado, sem máscara, o debate de quarta-feira com Marcelo Rebelo de Sousa que hoje testou positivo. Estávamos a uma distância grande mas, por via das dúvidas, irei agora fazer o teste. Vai correr tudo bem!"

Antes de se saber do teste positivo do assessor presidencial, o Presidente tinha debatido com João Ferreira, no dia 4. Ora, foi nesse mesmo dia a última vez que Marcelo esteve com Paulo Magalhães antes de este ter testado positivo.

Nessa segunda-feira, dia 4, o Presidente recebeu os líderes de todos os partidos com assento na Assembleia da República para os ouvir sobre a renovação do estado de emergência e participou no funeral de Carlos do Carmo.

Contudo, segundo as imagens disponíveis no site da Presidência da República, os encontros com os líderes partidários respeitaram sempre a distância de segurança e os intervenientes usaram sempre máscara. Em todo o caso, a lista de pessoas que participou nestes encontros inclui Jerónimo de Sousa e João Oliveira, do PCP; José Luís Carneiro e Ana Catarina Mendes, do PS; Pedro Filipe Soares e Beatriz Dias, do Bloco de Esquerda; André Silva e Inês Sousa Real, do PAN; Mariana Silva e José Luís Ferreira, do PEV; André Ventura e Diogo Pacheco de Amorim, do Chega e João Cotrim de Figueiredo e Carla Castro, da Iniciativa Liberal.

Rui Rio, do PSD, não participou presencialmente. O PSD foi representando por dois vice-presidentes, David Justino e Salvador Malheiro, sendo que este último divulgou no domingo estar infetado com Covid-19. Um caso que leva a que Rui Rio e José Silvano, secretário-geral do PSD, estejam em isolamento profilático, uma vez que tiveram na quinta-feira, dia 7, um contacto considerado de risco com Salvador Malheiro, depois de uma reunião partidária.

Também ainda antes de ser conhecido o teste positivo do assessor, mas já depois de ter sido feito, o Presidente da República esteve presente no concerto inaugural da presidência portuguesa da União europeia, onde também estiveram o primeiro-ministro, António Costa, o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, e a ministra da Cultura, Graça Fonseca, além de outras individualidades e artistas, como Camané, Carminho, Ana Moura e Joana Carneiro

Já depois de conhecido o caso positivo, além de participar nos debates presidenciais, o Presidente da República condecorou, na sexta-feira, dia 8, Marcelo Rebelo de Sousa condecorou o ex-presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro.

O facto de Marcelo Rebelo de Sousa ter tido estes contactos não significa automaticamente que os visados devem fazer isolamento, uma vez que o grau de risco depende de vários fatores, a avaliar pelos serviços de saúde. Aliás, num post publicado na sua conta do Facebook, o candidato Vitorino Silva diz que entrou em contacto com a DGS (terá sido o primeiro a fazê-lo, já que vários outros anunciaram que iam aguardar serem contactados) e que foi informado de que o seu contacto com o Presidente não teria sido de risco.

[Notícia atualizada às 01h18]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+