Tempo
|
A+ / A-

Presidenciais 2021. Debates arrancam este sábado

02 jan, 2021 - 08:05 • Lusa

Para hoje estão previstos dois debates: o primeiro na RTP1, entre Marcelo Rebelo de Sousa, atual Presidente da República, e Marisa Matias, candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda (BE), pelas 21h00, logo seguido do "duelo" entre o candidato apoiado pelo PCP, João Ferreira, e André Ventura, do Chega, que tem início às 22h00, na TVI24.

A+ / A-

Os debates televisivos entre os sete candidatos a Presidente da República arrancam este sábado e só deverão terminar dois dias antes das eleições marcadas para 24 de janeiro.

Inicialmente, RTP, SIC e TVI apenas tinham previstos debates entre seis candidatos - Marcelo Rebelo de Sousa, Ana Gomes, Marisa Matias, João Ferreira, André Ventura e Tiago Mayan -, mas a aceitação da candidatura de Vitorino Silva pelo Tribunal Constitucional levou a televisão pública e o Porto Canal a proporem novos frente a frente para incluírem o antigo autarca do PS e fundador do partido RIR.

Entre hoje e o próximo sábado - dia 9, véspera do arranque oficial da campanha eleitoral - estão agendados 21 debates televisivos, tendo o Porto Canal anunciado a realização de uma outra ronda de frente a frente com Vitorino Silva para a semana anterior à eleição.

Para hoje estão previstos dois debates: o primeiro na RTP1, entre Marcelo Rebelo de Sousa, atual Presidente da República, e Marisa Matias, candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda (BE), pelas 21h00, logo seguido do "duelo" entre o candidato apoiado pelo PCP, João Ferreira, e André Ventura, do Chega, que tem início às 22h00, na TVI24.

No domingo, realiza-se apenas um único debate, na RTP, entre Marcelo Rebelo de Sousa e Tiago Mayan, candidato apoiado pela Iniciativa Liberal.

Para segunda-feira, estão previstos três debates, média que se manterá até dia 09: Marcelo Rebelo de Sousa - João Ferreira na TVI (21h00), Marisa Matias e a socialista apoiada pelo PAN e Livre Ana Gomes (22h00, SIC Notícias), e ainda o frente a frente Vitorino Silva - André Ventura (22h45, RTP3).

Na terça-feira, 5 de janeiro, a RTP1 conta com o debate entre João Ferreira e Ana Gomes (21h00), enquanto a SIC Notícias transmite o debate André Ventura - Tiago Mayan, seguindo-se na RTP3, às 22h45, o confronto entre Vitorino Silva e Marisa Matias.

Já no dia de Reis, 6 de janeiro, decorrerão os debates Marcelo Rebelo de Sousa - André Ventura (21h00, SIC), João Ferreira - Tiago Mayan (TVI24, 22h00) e Vitorino Silva - Ana Gomes (22h45, RTP3).

A SIC transmite o frente a frente de Marisa Matias - André Ventura no dia 7 de janeiro (21h00), e na TVI24, uma hora mais tarde, decorre o debate Ana Gomes - Tiago Mayan. Na RTP3, às 22h45, será a vez de Vitorino Silva debater com Marcelo Rebelo de Sousa.

O debate Ana Gomes - André Ventura decorre em 8 de janeiro, pelas 21h00, na TVI, enquanto o frente a frente Marisa Matias - João Ferreira é emitido a partir das 21h30 na RTP. No mesmo dia, pelas 22h45, será o debate entre Vitorino Silva e Tiago Mayan, na RTP3.

Marcelo Rebelo de Sousa defronta Ana Gomes em 9 de janeiro, na RTP1 (21h00) e Marisa Matias debaterá com Tiago Mayan, na SIC Notícias (22h00), com este primeiro ciclo a encerrar com o frente-a-frente entre Vitorino Silva e João Ferreira, às 22h45, na RTP3.

No dia 12 de janeiro, a RTP transmite um debate com todos os candidatos, às 22h00.

O Porto Canal anunciou, entretanto, já ter agendado mais cinco debates: Vitorino Silva - Marisa Matias (17 de janeiro); Vitorino Silva - André Ventura (dia 18); Vitorino Silva - Marcelo Rebelo Sousa (20 de janeiro); Vitorino Silva - Ana Gomes (dia 21) e Vitorino Silva - Tiago Mayan (22 de janeiro).

A confirmar-se, subirá para 26 o total de frente a frente televisivos, para além do debate com os sete candidatos a Presidente da República.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+