Tempo
|
A+ / A-

Grupo Renascença reforça liderança rádio

22 dez, 2020 - 19:15 • Filipe d'Avillez

Cerca de 1,3 milhões de pessoas escutam a Renascença todas as semanas e a 800 mil sintonizam todas as manhãs a RFM.

A+ / A-

O Grupo Renascença Multimedia reforçou a sua liderança na rádio, segundo os dados do último estudo Bareme da Marktest que foram conhecidos esta terça-feira.

Segundo estes últimos números, cerca de 1,3 milhões de pessoas escutam a Renascença todas as semanas. A rádio voltou a subir nas audiências e atingiu 6,6% de Audiência Acumulada Véspera, o valor mais alto desde 2015.

O horário que mais cresceu foi das 7h as 10h, correspondendo ao programa “Três da Manhã” e em termos de classe o aumento mais significativo foi nos 35 aos 54 anos, na Classe A, no Grande Porto e nas regiões do Sul.

A outra grande marca do grupo, a RFM, foi a rádio que mais subiu na última vaga de 2020, atingindo uma audiência semanal de mais de três milhões de pessoas e um alcance de 36.4% de reach.

Em termos de programas o destaque vai para o “Café da Manhã”, que conta com cerca de 800 mil ouvintes todas as manhãs, tendo crescido mais de 50%.

Por fim, a terceira rádio do Grupo Renascença, a Mega Hits, cresceu para 3.1% em Audiência Acumulada de Véspera, ultrapassando as 700 mil pessoas e conquistado, só nesta vaga, 40 mil ouvintes.

O programa “Snooze”, das manhãs, duplicou a sua audiência para perto dos 100 mil ouvintes diários.

No total, segundo os dados da Bareme Marktest, o Grupo Renascença Multimédia é escutado por mais de 4.24 milhões de pessoas.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+