Tempo
|
A+ / A-

Marcelo decidiu não dirigir mensagem de Ano Novo ao país

21 dez, 2020 - 13:00 • Marta Grosso

A decisão prende-se com o facto de as eleições presidenciais acontecerem em janeiro.

A+ / A-

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República e candidato a novo mandato, “decidiu não dirigir a tradicional mensagem de Ano Novo aos portugueses”. O anúncio é feito na página da Presidência na internet.

Em causa, as eleições presidenciais de 24 de janeiro. Marcelo “participa, na qualidade de candidato às eleições presidenciais, em debates com outros candidatos nos dias imediatos” ao de Ano Novo – é a justificação apresentada.

A informação começa com um historial. “A Mensagem de Ano Novo do Presidente da República, no primeiro dia do ano, é uma tradição de muitas décadas, praticamente desde que há televisão em Portugal”.

Passa depois pelo 25 de Abril, em que “todos os cinco Presidentes da República eleitos depois da Constituição de 1976 dirigiram tais mensagens aos portugueses”, mas com duas exceções: a dos Presidentes da República Mário Soares e Jorge Sampaio, “que não o fizeram respetivamente a 1 de janeiro de 1991 e a 1 de janeiro de 2001, pois se estava em pleno período de campanha eleitoral para as eleições de 13 de janeiro de 1991 e de 14 de janeiro de 2001”.

Seguindo a mesma tradição, Marcelo Rebelo de Sousa cancelou a mensagem de Ano Novo em 2021.

“Em 2021, as eleições estão previstas para 24 de janeiro, pelo que o dia 1 é bem antes do início da campanha eleitoral a 10 de janeiro. No entanto, o Presidente da República decidiu não dirigir a tradicional mensagem de Ano Novo”, finaliza a nota.

Marcelo Rebelo de Sousa anunciou a sua recandidatura à Presidência da República no dia 7 de dezembro.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Nahc
    21 dez, 2020 Europa 13:28
    Madiucre a opcao de abstençao de mensagem para um novo ano... Bom Natal e melhor Ano Novo. NaHc

Destaques V+