Tempo
|
A+ / A-

Pandemia da Covid-19

Pessoas entre os 50 e os 75 e com doença grave no primeiro grupo para vacinação

26 nov, 2020 - 22:55 • Lusa

O plano de vacinação em Portugal já foi elaborado e enviado para o Ministério da Saúde, segundo a SIC Notícias.

A+ / A-

As pessoas que têm entre 50 e 75 anos e sofrem de doenças graves serão as primeiras a receber as novas vacinas contra a Covid-19.

Segundo a SIC Notícias, o documento que estabelece as prioridades já foi concluído pela comissão técnica e enviada para o Ministério da Saúde e para o grupo de trabalho que foi encarregado de planear a campanha de inoculação.

Em conjunto com estes cidadãos mais vulneráveis, devem ser vacinados nesta primeira fase os funcionários e os utentes de lares de idosos e os profissionais de saúde de primeira linha, que trabalham nas unidades de cuidados intensivos ou em enfermarias com doentes que sofrem do novo coronavírus.

O segundo grupo para vacinação será composto por pessoas da mesma faixa etária, mas que sofre de doenças menos graves, mas que também são de risco.

A estes, acresce a população de pessoas institucionalizadas.

Fora destes grupos fica uma das principais comunidades de risco, que são as pessoas acima dos 75 anos, mas isso acontece porque as farmacêuticas e autoridades de saúde ainda não conseguiram confirmar que a vacina tem efeito e é segura para este setor da população.

Segundo os programas de vacinação cada país deve receber lotes limitados de vacinas numa primeira fase sendo natural que outros grupos sejam incluídos à medida que chegam mais vacinas ao país.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.