Tempo
|
A+ / A-

Papa argentino reza por Diego Maradona

25 nov, 2020 - 20:48 • Aura Miguel

Francisco recorda o entusiasmo com que viveu a vitória da Argentina no mundial de 1986.

A+ / A-
"Já posso morrer tranquilo". O encontro de Maradona com o Papa
"Já posso morrer tranquilo". O encontro de Maradona com o Papa

O diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni, disse esta tarde aos jornalistas que o “Papa foi informado da morte de Diego Maradona, que recorda com afeto as ocasiões de encontro que teve com ele nestes anos e que o lembra na oração, tal como o fez nos últimos dias quando soube das suas condições de saúde.”

Também o portal da Santa Sé “Vatican News” evoca alguns momentos em que o Papa argentino, admirador de futebol, se referiu ao seu conterrâneo, nomeadamente, na pergunta provocadora que fez aos brasileiros, em jeito de brincadeira: “Quem foi melhor: Pelé ou Maradona?”

No livro “Vamos sonhar juntos”, que será publicado em Portugal no mês de Janeiro, Francisco recorda os momentos que viveu como estudante na Alemanha e como, no meio da solidão, se entusiasmou com o triunfo da Argentina na Copa do Mundo de 1986. Uma vitória cuja estrela foi Diego Maradona, com a camisola número 10, que mais tarde a ofereceu ao Papa, no Vaticano, a 1 de setembro de 2014.

Nessa ocasião, Maradona, entrevistado pela rádio vaticana conclui que "entre os dois, o verdadeiro ‘craque’ é o Pontífice.”

Maradona morreu esta quarta-feira depois de vários dias de internamento em que o seu estado de saúde se foi degradando. Tinha 60 anos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+