Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus

Madeira regista 11 novos casos de Covid-19

22 nov, 2020 - 20:35 • Lusa

Até à data, foram registados dois óbitos associados à Covid-19 na região, sendo 166 os casos ativos, dos quais 54 foram identificados no contexto das atividades de vigilância implementadas no Aeroporto da Madeira e 112 são casos de transmissão local.

A+ / A-

Veja também:


A Madeira registou este domingo 11 novos casos de Covid-19 – três importados e oito de transmissão local – elevando para 683 as situações confirmadas, das quais 166 estão ativas, revelou a Direção Regional de Saúde.

Segundo este organismo, até este domingo foram contabilizadas na Região Autónoma da Madeira 2.143 notificações de casos suspeitos de Covid-19, dos quais 1.460 não se confirmaram.

"Hoje há 11 novos casos positivos a reportar, pelo que a região passa a contabilizar 683 casos confirmados de Covid-19 no território regional, tratando-se de três casos importados (um proveniente do Reino Unido, um da Região de Lisboa e Vale do Tejo e um da Região Norte de Portugal) e oito casos de transmissão local, todos associados a contactos de casos positivos anteriormente identificados", refere o boletim diário sobre a situação epidemiológica da pandemia no arquipélago.

O boletim assinala que um dos casos de transmissão local identificados este domingo diz respeito a um estudante da Universidade da Madeira.

"O estabelecimento já foi informado e foi ativado o respetivo plano de contingência", refere.

Hoje há mais 11 casos recuperados a reportar passando a região a contabilizar 515 casos recuperados de Covid-19.

Até à data, foram registados dois óbitos associados à Covid-19 na região, sendo 166 os casos ativos, dos quais 54 foram identificados no contexto das atividades de vigilância implementadas no Aeroporto da Madeira e 112 são casos de transmissão local.

Relativamente à residência dos casos ativos, 34 são não-residentes e 132 são residentes na região.

Quanto ao isolamento dos casos ativos, 29 pessoas cumprem isolamento numa unidade hoteleira dedicada, 132 em alojamento próprio e quatro pessoas encontram-se internadas na Unidade Polivalente dedicada à Covid-19 e um doente na Unidade de Cuidados Intensivos dedicada a esta doença.

No que diz respeito à vigilância ativa de contactos de casos positivos, 883 pessoas estão a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde dos vários concelhos da Madeira e no Porto Santo.

No que respeita a vigilância de viajantes, 7.861 pessoas estão também a ser acompanhadas pelas autoridades, com recurso à aplicação MadeiraSafe.

No total, há 77 novas situações que se encontram em estudo pelas autoridades de saúde, 15 provenientes da operação de rastreio do aeroporto e 62 relacionadas com contactos com casos positivos ou situações reportadas à linha SRS24, estando em curso as respetivas investigações epidemiológicas.

Os contactos para a Linha SRS24 (800 24 24 20) totalizam agora 17.256 chamadas, mais 98 chamadas nas últimas 24 horas.

No contexto da operação de rastreio de viajantes nos portos e aeroportos da Madeira e do Porto Santo, há a reportar um total cumulativo de 108.537 colheitas para teste à Covid-19 realizadas até às 18h30 horas deste domingo.

A pandemia de Covid-19 provocou pelo menos 1.381.915 mortos resultantes de mais de 58,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 3.897 pessoas dos 260.758 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.