Tempo
|
A+ / A-

Novo incidente em França. Polícia mata homem depois de ameaçar pessoas em Avignon

29 out, 2020 - 11:04 • Marta Grosso

É o segundo incidente em França, com poucas horas de diferença. Isto, no mesmo dia em que, na Arábia Saudita, é atacado o consulado francês.

A+ / A-

Veja também:


Um homem armado tentou agredir, nesta quinta-feira, agentes policiais na rua, em Avignon, França.

Eram 11h15 (menos uma hora em Lisboa). O agressor tinha uma arma e terá tentado atacar transeuntes na rua, gritando "Allah Akbar" (Alá é grande), segundo informações avançadas pela Europa 1.

Os polícias ameaçados responderam com tiros e o suspeito sucumbiu aos ferimentos. O incidente ocorreu no “Cartier Montfavet”.


As autoridades abriram já uma investigação ao caso.

Este é o segundo ataque nesta quinta-feira de manhã em França e acontece duas horas depois de, em Nice (sudeste do país) um homem ter atacado com uma faca algumas pessoas na Catedral de Nossa Senhora. Três pessoas morreram, uma delas decapitada.

O prefeito de Nice, Christian Estrosi, descreveu o ataque como terrorismo e disse que o agressor gritou repetidamente a frase "Allahu Akbar", mesmo depois de ter sido detido pela polícia.

Também nesta quinta-feira, mas na Arábia Saudita, a televisão estatal deu conta da detenção de um saudita, na cidade de Jeddah, após atacar e ferir um guarda do consulado francês.

A embaixada francesa afirmou que o consulado foi alvo de um "ataque com faca que visou um guarda", acrescentando que o guarda foi levado ao hospital e que não corre perigo de vida.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.