Tempo
|
A+ / A-

Coronavírus

Hospital de Évora deu alta a duas idosas do surto de Vila Viçosa

24 out, 2020 - 21:26 • Lusa

Neste momento há 16 doentes internados, quatro dos quais nos cuidados intensivos.

A+ / A-

Veja também:


Duas idosas associadas ao surto de Covid-19 em Vila Viçosa que estavam internadas no hospital em Évora tiveram este sábado alta e permanecem na unidade quatro infetados com novo coronavírus oriundos deste concelho, revelou fonte hospitalar.

Ligadas a este surto de Covid-19, na sexta-feira, estavam internadas no Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), todas em enfermaria ‘Covid’, seis pessoas, das quais quatro mulheres e dois homens, com idades entre os 86 e os 90 anos.

A fonte do HESE contactada este sábado pela agência Lusa disse que duas dessas mulheres receberam este sábado alta hospitalar, continuando internados, em enfermaria, “dois homens e duas mulheres do surto de Vila Viçosa”.

O HESE tem, neste momento, “16 doentes internados com Covid-19”, dos quais “quatro em Unidade de Cuidados Intensivos e 12 em enfermaria”, sendo que nestes últimos estão incluídos os de Vila Viçosa e, além disso, uma mulher associada “ao surto de Borba”.

Contactada hoje pela Lusa, a Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo indicou que, tal como na sexta-feira, continuam 69 pessoas infetadas com o vírus que provoca a doença Covid-19 referentes a este surto.

Neste total estão incluídos 29 utentes de unidades da Santa Casa da Misericórdia de Vila Viçosa, nove funcionários da instituição e 31 pessoas da comunidade, segundo a ARS.

A Câmara de Vila Viçosa indicou este sábado a existência de 78 casos ativos de Covid-19 no concelho, sem precisar quais são referentes ao surto, na atualização da situação epidemiológica publicada na sua página na rede social Facebook, com dados da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Na sexta-feira, registou-se a primeira vítima mortal deste surto de Covid-19, uma mulher, de 86 anos, que estava internada no HESE, revelou à Lusa, nesse dia, fonte hospitalar.

O vice-presidente da Câmara de Vila Viçosa, Luís Nascimento, disse à Lusa, também na sexta-feira, que os mil testes rápidos de rastreio à Covid-19 adquiridos pelo município vão servir para testar gratuitamente os trabalhadores da autarquia e a população do concelho, a partir de terça-feira.

O autarca indicou ainda que foram transferidos para o hospital de retaguarda instalado no antigo Centro de Saúde da vila dois utentes do lar da Santa Casa da Misericórdia infetados com SARS-CoV-2.

Todas os estabelecimentos de ensino do agrupamento escolar de Vila Viçosa estão encerrados, provisoriamente, o mesmo acontecendo com as escolas do município vizinho de Borba, por decisão da Autoridade de Saúde Pública, devido ao aumento de casos de Covid-19 nestas zonas.

O provedor da Misericórdia local, Jorge Rosa, indicou que a primeira pessoa a testar positivo para o novo coronavírus neste surto foi uma funcionária do Centro de Dia de Bencatel, originando os testes realizados no passado dia 14.

Portugal contabiliza pelo menos 2.297 mortos associados à Covid-19 em 116.109 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da DGS.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.