Tempo
|
A+ / A-

Santuário de Fátima no centro de iniciativa mundial de oração do Terço com crianças

15 out, 2020 - 12:12 • Olímpia Mairos

Ação é promovida pela Fundação AIS. Em Portugal, a jornada de oração tem o apoio do Santuário de Fátima, da Rede Mundial de Oração do Papa e do Apostolado Mundial de Fátima.

A+ / A-

O Santuário de Fátima é um dos centros da jornada mundial de oração do Terço com as crianças. A iniciativa é promovida a nível internacional pela Fundação AIS e está marcada para domingo, dia 18 de outubro.

“Tal como já aconteceu em anos anteriores, com a transmissão em direto do Terço a partir da Capelinha das Aparições pelos meios de comunicação social – televisão, rádio e através da internet – será possível a milhares de crentes acompanharem a oração das crianças desde o Altar do Mundo, cumprindo assim também um dos pedidos de Nossa Senhora aos Pastorinhos ao longo do ano de 1917”, informa em comunicado a Fundação AIS.

Além de Portugal, a Fundação AIS vai mobilizar crianças para a oração do Terço em mais de 80 países, em várias línguas e em todos os continentes.

O Papa Francisco associa-se à iniciativa manifestando a sua proximidade para com a iniciativa da Ajuda à Igreja que Sofre.

“Apoio esta bela iniciativa que junta crianças de todo o mundo, que vão rezar especialmente pelas situações de crise causadas pela pandemia”, disse Francisco, no domingo passado, 11 de outubro, logo após a recitação do Angelus.

“As palavras do Papa Francisco reforçaram o relevo desta jornada de oração que teve início em 2005, em Caracas, a capital da Venezuela, recuperando a expressão do Padre Pio de que, ‘quando um milhão de crianças rezarem o Terço, então o mundo vai mudar’”, assinala a AIS.

Em mensagem enviada a todos os secretariados da instituição, o presidente internacional da Fundação AIS, Cardeal Mauro Piacenza, e o assistente eclesiástico da internacional da instituição, Padre Martin Barta, para sublinharem a importância de se mobilizar crianças para a oração do Terço, afirmam que “nunca antes na História houve uma crise de saúde e uma crise existencial tão global”.

“A escala desta epidemia ultrapassa tudo o que a humanidade experienciou até hoje. O mundo inteiro foi, e ainda está, exposto a um vírus invisível que levou centenas de milhares de pessoas à morte e que gerou repercussões económicas e sociais devastadoras e, ainda na sua maioria, imprevisíveis”, pode ler-se na mensagem.

A iniciativa “1 Milhão de Crianças Rezam o Terço pela Paz” é levada a cabo pelos diversos secretariados internacionais da Fundação AIS, numa mobilização que, a nível geral, vai envolver milhares de pessoas em paróquias, grupos de catequese, colégios, movimentos e congregações.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.