Tempo
|
A+ / A-

Conselheiro de Trump infetado por Covid-19

07 out, 2020 - 01:19 • Redação

Stephen Miller é dos mais próximos de Donald Trump. Surto na Casa Branca já ultrapassa as 15 pessoas.

A+ / A-

Veja também:


Um dos principais conselheiros do Presidente dos Estados Unidos acusou positivo num teste para a Covid-19 esta terça-feira. A notícia foi avançada pelo próprio Stephen Miller, em comunicado.

É mais um caso de infeção no núcleo duro do líder norte-americano. Entre as nove pessoas que estiveram com Trump a preparar o debate de dia 29 de setembro, é a sexta a testar positivo.

No entanto, o surto na Casa Branca é até mais alargado e já infetou mais de 15 pessoas.

Em comunicado, Miller confirma que já estava em teletrabalho e isolamento há cinco dias depois de Donald Trump ter testado positivo.

"Nos últimos 5 dias tenho trabalhado à distância e auto-isolado, testando negativo todos os dias até ontem. Hoje, testei positivo para a covid-19 e estou em quarentena", disse Miller numa declaração, citado pela CNN.

O Presidente norte-americano teve alta hospitalar na segunda-feira depois de três dias hospitalizado devido à Covid-19 e garante que está pronto a participar no debate presidencial de dia 15.

Stephen Miller é casado com Katie Miller, porta-voz do vice-presidente Mike Pence, que vai participar num debate contra Kamala Harris, número dois de Joe Biden. Katie Miller esteve infetada em maio.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.